sexta-feira, 19 de janeiro de 2018

FESTA DE SÃO SEBASTIÃO: "Banda Feras, Saulo Farra no Palco da Praça e o Show Fenômenos no Acampar"


ELEIÇÕES 2018: "Francisco Medeiros fará dobradinha com Caramurú Paiva"

Quem também acompanhou a Senadora Fátima Bezerra em visita ontem (18) á Parelhas, foi o pré-candidato a Deputado Federal Caramurú Paiva.

Caramurú, é engenheiro agrônomo, ex-vice prefeito de Campo Grande e levará o nome de Francisco Medeiros, ao Oeste Potiguar, em contra partida,  será o Federal de Francisco em Parelhas e na região do Seridó.

Em 2014, Paiva deu mais de 2000 votos na sua região ao agora prefeito de Currais Novos Odon Jr. que foi candidato a estadual na época.

"Para mim será um enorme prazer, fazer dobradinha com o companheiro Chico, que conheço de longas datas e que tem uma história de vida muito parecida com a minha. Francisco tem chances reais de chegar a Assembleia Legislativa, é preparado e honesto, e a política precisa de gente como ele." Destacou o pré-candidato a federal Caramurú Paiva


ELEIÇÕES 2018: "Ex-primeira dama Julianne Faria deverá ser candidata ao senado em composição com Zenaide Maia e Fátima Bezerra"

Ex-primeira-dama do Estado e ex-secretária de Assistência Social do Estado, Julianne Faria deu sinais de que pretende levar à frente um projeto político.
Se será como candidata, muita água ainda vai rolar porque, com o ex-marido Robinson Faria no Governo depois de 7 de abril, ela estará impedida de disputar mandato eleitoral.
O nome dela é apontado como possível candidata ao Senado, ao lado da deputada-senadorável Zenaide Maia (PR), numa chapa que poderá ter como candidata ao Governo, a senadora Fátima Bezerra (PT).
Na posse do vereador Fernando Lucena (PT) como presidente do Sindicato dos Empregados em Empresas de Asseio, Conservação, Higienização e Limpeza do RN (Sindlimp/RN), Julianne se pronunciou... E defendeu a volta de Lula à presidência da República.

INSISTÊNCIA: "Temer recorre ao STJ para posse de Cristiane Brasil no ministério"

O governo decidiu recorrer mais uma vez à Justiça para tentar manter a posse da deputada Cristiane Brasil (PTB-RJ) como ministra do Trabalho, dessa vez no Superior Tribunal de Justiça (STJ).
A apelação foi protocolada nesta sexta-feira (19) pela Advocacia-Geral da União (AGU), depois que o Tribunal Regional Federal da 2ª Região (TRF2), segunda instância da Justiça Federal no Rio de Janeiro, negou três recursos apresentados pelo órgão.
Outros recursos impetrados por advogados da deputada foram igualmente rejeitados pelo desembargador Vladimir Vitovsky, do TRF2, segundo a Agência Brasil.

O GRANDE DIA CHEGOU: "É hoje o grande encontro de vozes do Brasil no Clube Acampar"

PARELHAS: "Francisco recepciona senadora Fátima e outras lideranças, na Festa de São Sebastião"

No dia em que completou 49 anos de idade, o ex-prefeito e atual pré-candidato a deputado estadual, Francisco Medeiros (PT), recebeu em Parelhas, para a Festa de São Sebastião, a senadora Fátima Bezerra (PT) e várias lideranças que apóiam a sua pré-candidatura. 

A recepção inicial foi em um jantar, na casa do vereador Frank Kleber (PT), ex-presidente da Câmara de Vereadores do município. Entre os políticos presentes estiveram os prefeitos de Parelhas, Alexandre Petronilo (MDB) e o de Currais Novos, Odon Jr., além do ex-vice-prefeito de Campo Grande, no oeste potiguar, Camuru Paiva (PT). Atualmente Camuru é assessor da senadora Fátima Bezerra é pré-candidato a deputado federal pelo Partido dos Trabalhadores.

Durante o jantar, além de parabenizarem Francisco pelo aniversário, as lideranças falaram sobre o motivo de acreditar no projeto de apoiá-lo para uma vaga na Assembleia Legislativa.

 "Francisco tem uma história política extraordinária. Por onde passou exerceu muito bem os cargos para os quais foi eleito. Foi um dos melhores prefeitos da história de Parelhas e tenho a certeza de que será um excelente deputado", declarou a senadora Fátima Bezerra.

Após a confraternização, todos seguiram para a novena da "Noite dos Caminhoneiros", na Festa de São Sebastião e, logo em seguida, participaram da programação social.  

"Hoje é dia de agradecer a Deus por mais um ano de vida que Ele me dá a oportunidade de viver. E, principalmente, viver ao lado de amigos e pessoas tão especiais, que também desejam trabalhar em favor de nossa população", declarou Francisco Medeiros.


RN: "Deputados autorizam saques do Fundo Financeiro da Previdência"

Os deputados estaduais do Rio Grande do Norte aprovaram nesta quinta-feira (18) o projeto enviado pelo Governo que autoriza saques do Fundo Financeiro (Funfirn) do Instituto de Previdência do Estado (Ipern). O montante servirá para pagar aposentados e pensionistas.
A proposta está dentro do pacote de medidas encaminhadas pelo Poder Executivo ao Legislativo, que tem por objetivo recuperar financeiramente o RN. De acordo com o que explicou o secretário de Administração e Recursos Humanos, Cristiano Feitosa, os valores estão aplicados e a aprovação autoriza o saque desse montante antes do cumprimento dos prazos dessas aplicações.
O uso desse dinheiro permite que o Estado deixe de aportar mensalmente R$ 110 milhões para cobrir o deficit da Previdência do RN. Por outro lado, ainda segundo o secretário, o valor disponível no Fundo Financeiro é de R$ 300 milhões, o que cobre o deficit em sua totalidade por menos de três meses.

Favoráveis ao saque:

Albert Dickson (PROS), Cristiane Dantas (PCdoB), Dison Lisboa (PSD), Ezequiel Ferreira (PSDB), Galeno (PSD), Gustavo Carvalho (PSDB), Jacó Jácome (PSD), José Adécio (DEM), José Dias (PSDB), Raimundo Fernandes (PSDB), Ricardo Motta (PSB), Souza Neto (PSB), Tomba Farias (PSB) e Vivaldo Costa (PROS).
Contrários ao saque:
Carlos Augusto (PSD), Fernando Mineiro (PT), George Soares (PR), Getúlio Rêgo (DEM), Gustavo Fernandes (MDB), Hermano Morais (MDB), Kelps (SDD), Larissa Rosado (PSB) e Márcia Maia (PSDB).


 As informações são do G1 RN.


POLÍTICA: "Geraldo Melo deixa PMDB"

O ex-governador e ex-senador Geraldo Melo anunciou nesta quinta-feira (18), sua saída do PMDB, do qual era Presidente de Honra.
Através de uma carta publicada após conversa com o senador Garibaldi Filho, Geraldo Melo justificou a saída do partido. Disse que não faz parte do projeto peemedebista para 2018.
Robson Pires

LULA: "Serei candidato, aconteça o que acontecer"

A seis dias do julgamento em segunda instância que poderá torná-lo inelegível, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva afirmou nesta quinta-feira, 18, que pretende sair candidato à Presidência “aconteça o que acontecer”. Em discurso durante ato de artistas e intelectuais em seu apoio, em São Paulo, o petista voltou a acusar seus adversários de quererem criminalizar o PT. “Quero que o PT me indique à Presidência. Se não for como candidato, serei como cabo eleitoral. Se o PT quiser, estarei como candidato à Presidência, aconteça o que acontecer”, disse.
Condenado em primeira instância no âmbito da Lava Jato, Lula terá recurso julgado pelo Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF-4) no dia 24, em Porto Alegre, no caso do tríplex do Guarujá (SP). Segundo a Justiça, o apartamento teve a reforma paga pela empreiteira OAS, que recebeu em troca vantagens indevidas. Se tiver a condenação confirmada, Lula poderá ficar inelegível pela lei da Ficha Limpa. Sobre o julgamento, Lula disse estar “tranquilo” e “com a consciência limpa”. “Mesmo se acontecer a condenação, vocês verão que eu continuarei tranquilo. A minha tranquilidade vai infernizar a vida deles.”

quinta-feira, 18 de janeiro de 2018

FESTA DE SÃO SEBASTIÃO: "Giannini Alencar, Segundo Sanfoneiro e Banda Grafith embalam festa hoje em Parelhas"


DEMISSÃO EM MASSA: "Estado iniciará demissão de até 900 comissionados e celetistas em março"

O Governo do Estado vai iniciar um plano de exoneração de servidores públicos no início de março. A proposta é demitir até 900 servidores, sendo 300 comissionados e outros 600 regidos pela Consolidação das Leis de Trabalho (CLT), os chamados celetistas. O anúncio foi feito pelo secretário de Administração e Recursos Humanos do Estado, Cristiano Feitosa, que participou nesta quinta-feira, 18, na Assembleia Legislativa, de uma reunião com os deputados estaduais. O encontro contou ainda com a participação do secretário de Planejamento, Gustavo Nogueira, e do procurador-geral do Estado, Francisco Wilkie.
De acordo com Cristiano Feitosa, a medida faz parte do pacote de ajuste fiscal das contas estaduais iniciado este mês, para a contenção de despesas e a redução do comprometimento orçamentário com a folha salarial. A demissão, segundo ele, é uma exigência imposta pela Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF), para que o Estado reduza o comprometimento orçamentário com o pagamento de salários. No entanto, ele não apresentou informações sobre o impacto financeiro das exonerações.
Nos últimos trimestres, segundo dados do Governo, a média de comprometimento orçamentário ficou acima dos 53%, quando o limite deveria ser de 49%. Para receber eventuais ajudas financeiras da União, o Estado deve reduzir as despesas com pessoal.
Desta forma, já no início de março, a Secretaria de Administração deve encaminhar a lista de exonerações. A listagem deve compreender um total de 300 cargos comissionados e outros 600 servidores “celetistas”. Além destes dois grupos, a secretaria está levantando a ocorrência de funcionários com dois vínculos empregatícios. O resultado deste estudo, com a redução da duplicidade, deve ser apresentado no próximo mês.
A reunião com o secretário Cristiano Feitosa, para explicar o pacote de medidas ficais proposto pelo Governo, não agradou todos os deputados. No meio do encontro, Fernando Mineiro (PT), abandonou a sala da presidência da Assembleia, onde ocorria a apresentação, ao não receber maiores informações sobre a proposta do Governo. Irritado, ele lançou críticas à postura do secretário Cristiano Feitosa.
“O objetivo era o secretário informar os planos de demissão, mas, infelizmente, este não foi o espírito. Vou continuar insistindo no assunto. É preciso esclarecer a sociedade. O governo deve explicar melhor para o servidor se ele pode vir a ser demitido ou não”, finalizou.

NADA COMO UM DIA APÓS O OUTRO: "Rosalba dá o troco a Agripino"

Uma fonte segura do Blog do Primo, disse que Garibaldi Alves ao visitar a prefeita de Mossoró, Rosalba Ciarlini, na praia de Tibau, apresentou-se como candidato à reeleição perguntando se a ex-governadora topava fazer um acordo político em torno de uma aliança incluindo ele como candidato ao Senado.
Garibaldi Alves quis saber quais seriam as condições para o entendimento político.
Rosalba respondeu prontamente, dizendo que era possível um acordo político com ela, desde que,  Garibaldi Alves tivesse como companheiro para outra vaga do Senado o empresário Luiz Roberto Barcelos, o popular Rei do Melão..
Diante dessa exigência de Rosalba e seu esposo Carlos Augusto Rosado, ficou claro que o casal excluiu o senador José Agripino de qualquer aliança que eles participem..
Em 2014, Rosalba tentou ser candidata à reeleição pelo DEM, mas, teve sua candidatura impedida pelo senador José Agripino, agora ela e Carlos Augusto estão dando o troco.

ANIVERSARIANTE DO DIA: "Ex-prefeito Francisco Medeiros"

Quem está soprando velinhas hoje 18 de janeiro é o ex-prefeito Francisco Medeiros.

Francisco recebe os parabéns de sua esposa Luziene, seus filhos Klarissa e Natan e de toda população parelhense, que abraça o ex-prefeito, desejando-lhe muita paz, saúde e sucesso.

O Blog também deseja a Francisco Medeiros muita paz e muitos anos de vida!

Parabéns Francisco Medeiros!

PARELHAS: "Prefeito pede aumento de efetivo policial na reta final da festa de São Sebastião"

O prefeito Alexandre Petronilo, disse ao Blog que pediu ao governo do estado o aumento efetivo policial, na reta final da Festa de São Sebastião, aqui na cidade de Parelhas.

Segundo o prefeito, a festa está ficando  a cada ano maior e nos dias 18, 19 e 20 a tendencia é aumentar ainda mais o fluxo de pessoas.

"A nossa festa tem crescido muito e este ano  investimos 30% da arrecadação em segurança, mas para essa reta final estamos pedindo o aumento do efetivo policial para que a população se se sinta ainda mais segura". Destacou Alexandre


POLÍTICA: "Ex-prefeito de Parnamirim deixa PDT de Carlos Eduardo para apoiar Fátima Bezerra"

Pré-candidato a deputado estadual, o ex-prefeito de Parnamirim, Maurício Marques, vai sair do PDT.
Aliado do prefeito-governadorável Carlos Eduardo Alves (PDT), aliança nascida dos tempos da parceria com Agnelo Alves, Maurício tem dito que só tem dois compromissos: com as candidaturas da senadora Fátima Bezerra (PT) ao Governo, e do senador Garibaldi Filho à reeleição.
Thaisa Galvão