.

sexta-feira, 28 de abril de 2017

GREVE GERAL: "Mesmo debaixo de chuva parelhenses vão as ruas contra a reforma da previdência"



Em todo Brasil, foi dia de greve geral contra as reformas apresentadas pelo governo, que castram direitos adquiridos a décadas.
Em Parelhas não foi diferente, dezenas de pessoas mesmo debaixo de chuva, saíram as ruas, gritando "Fora Temer" e citando um a um os nomes dos deputados federais que votaram contra o trabalhador brasileiro.
Participaram do ato público, o Sindicato dos Trabalhadores Rurais, Sindicado dos funcionários da prefeitura, representantes da EMATER, do Banco do Brasil, os vereadores Romisélia Araújo, Netinho Senador e Pepeu, além de professores e populares que gritavam por nenhum direito a menos.
A manifestação pacífica, saiu da Praça da Rodoviária, até a Praça Arnaldo Bezerra, onde várias pessoa discursaram, debaixo de muita chuva.


PARELHAS: "Mudança no comando da Secretaria Municipal de Educação"

Informações chegadas ao Blog dão conta de que Maria de Lourdes(Mocinha de Babi), não responde mais pela Secretaria Municipal de Educação.
Quem assumiu o lugar deixado por Mocinha, foi a ex-diretora da Escola Municipal Arnaldo Bezerra, Keila Lidiana.
Essa já é a segunda secretaria do Governo Alexandre Petronilo, que muda de comando, primeiro foi a de Saúde e agora a de Educação. Turismo poderá ser a terceira.

PARELHAS: "Não serei mais candidato a prefeito". Diz Dr. Tiago Almeida.

O médico Dr, Tiago Almeida, disse ao Blog nesta manhã, que não deseja mais disputar a cadeira do Palácio Severino da Silva Oliveira.
Segundo Dr. Tiago, dificilmente entrará na disputa outra, vez, mas que será candidato a deputado nas próximas eleições.
O pensamento do médico, é mesmo sair dos Democratas e migrar para uma legenda pequena, onde suas chances de vitória possam aumentar.
"Não sei se serei candidato a Deputado Federal ou Estadual, mas serei o representante de Parelhas e dessa parte do Seridó. Candidato a prefeito, não serei mais". Confessou Tiago.




DOIS PESOS E DUAS MEDIDAS: "Em qual Dória acreditar?"

O prefeito de São Paulo que se diz um político moderno, ou um gestor, mas verdade é parecido com todos que militam na política brasileira com suas incoerências.
São incoerentes e suas opiniões mudam com o vento.
Confira o que dizia Doria quando as manifestações eram contra Dilma, e veja o que ele diz quando as manifestações são contra o atual governo Temer que tem o apoio do seu partido, PSDB.
Em qual Doria acreditar?
Blog do Primo

BALEIA AZUL: "Preso homem que criou o jogo"

A divulgação recente sobre casos de suicídio motivados por um jogo tem alarmado pais e mães de adolescentes que se envolveram na ‘brincadeira’ que pode levar a morte. A mídia tem feito um trabalho excepcional de tentar divulgar sobre os perigos oferecidos para quem se envolve no game.
O que muitas pessoas não sabem é que o criador e proliferador da ideia já está preso. Ao que parece o jogo teria sido criado na Rússia, por um jovem, que se aproveita dos momentos de vulnerabilidade das pessoas para incentivá-las ao suicídio. Segundo informações descobertas recentemente, o homem já teria sido identificado por outros crimes online, e estaria preso desde 2015.
A ideia de criar um jogo composto por cinquenta passos a serem cumpridos teria sido inventado por ele para poder aliciar sobretudo adolescentes que estivessem passando por um momento crítico. Conheça o homem responsável pela criação do jogo macabro:O russo Philip Budeikin, de 21 anos, foi detido pela polícia.
Blog do Primo


JARDIM DO SERIDÓ: "Prefeito Amazan anuncia atrações do 1º Jardim Junino"

A cidade de Jardim do Seridó vai realizar do dia 30 de junho a 09 de julho deste ano a maior e melhor festa de São João da região do Seridó. O prefeito Amazan Silva, lançou oficialmente nesta sexta-feira (28), a programação do I Jardim Junino, com dez dias de festa.
Entre as novidades está o festival de quadrilhas, com premiação até o terceiro lugar, além do arraiá das crianças e da terceira idade. Confirmado no evento, mais de 20 atrações musicais além dos shows de artistas locais. Também se apresentarão grupos folclóricos e quadrilhas juninas. Entre as bandas que subirão no palco estão, Luan Estilizado, Amazan, os 3 do Nordeste, Giullian Monte, Forró do Amasso, Natan Vinicius, No Reino dos Ex-Cavaleiros, Rodolfo Lopes, Evan e Forró do Namoro.
Programação:
Abertura: Sexta – 30.07
Escolha da Rainha e do Rei
Forró Bem Balançado
Amazan
Sábado – 01.07Joãozinho do Acordeon
Os Três do Nordeste
Sidney Ramon e Arroxa o Nó
Domingo – 02.07Arraiá das Crianças
Solange e Forró das Antigas
Cipó de Boi
Segunda – 03.07Arraiá da Terceira Idade
Gilvan do Acordeon
Terça – 04.07Elian Sanfoneiro
Rodolfo Lopes
Quarta – 05.07
Apresentação das Quadrilhas
Forró Só Xotear
Forró do Penerado
Quinta – 06.07Festival das Quadrilhas
Natan Vinícios
Luan Estilizado
Sexta – 07.07Festival de Quadrilhas
Saulo Farra
Forró do Amasso
Sábado – 08.07Jeová do Acordeon
Evan e Forró do Namoro
No Reino dos Ex Cavaleiros
Domingo – 09.07Giullian Monte
Neto da Paraíba

Roberto Flávio

EFEITO: "Com greve, postos fazem promoção e gasolina cai para R$ 3,29"

Com os transportes públicos praticamente parados por causa da greve geral, o número de carros particulares nas ruas aumentou consideravelmente. 
De olho nessa potencial clientela, os postos de gasolina intensificaram as promoções para tentar desovar os estoques de combustíveis encalhados. Em várias regiões do Distrito Federal, o litro da gasolina está sendo vendido por até R$ 3,29 se pago em dinheiro ou em débito.


DIREITA: "Dória chama grevista de vagabundos e preguisosos"

O prefeito de São Paulo João Doria (PSDB) chamou de “vagabundos”, “preguiçosos” e “pelegos” os trabalhadores que aderiram à greve geral desta sexta-feira, em protesto contra as reformas trabalhista e da Previdência. Em entrevista à Rádio Jovem Pan, o tucano afirmou que vai cobrar multas dos sindicatos de motoristas de ônibus, que resolveram cruzar os braços, e cortar o ponto dos servidores municipais que faltarem ao serviço.
— Acordo cedo e trabalho. Não sou grevista, que dorme, é preguiçoso e acorda tarde. Eu não sou Jaiminho, não — afirmou o prefeito, fazendo referência ao personagem Jaiminho carteiro, do seriado mexicano Chaves.
Ao final da entrevista, Doria comentou a tentativa de manifestantes de bloquearem sua saída de casa:
— Volto a dizer a esses grevistas, que quiseram inclusive bloquear meu acesso, que acordem mais cedo. Vagabundos! Porque o prefeito acorda cedo. Da próxima vez acordem mais cedo se quiserem bloquear o acesso do prefeito ao seu espaço de trabalho.
A cidade de São Paulo amanheceu sem nenhum serviço de transporte funcionando nesta sexta-feiraFuncionários de trem, metrô e ônibus decidiram não trabalhar. O prefeito lembrou que a Justiça havia determinado, na quinta-feira, que 80% dos ônibus deveriam estar em circulação.
— Vamos cobrar as multas daqueles sindicatos que romperam a ordem e a determinação da Justiça. Meio milhão de reais foi a multa determinada para a paralisação do transporte de ônibus que não garantisse pelo menos 80% dos ônibus. Se não pagar, vamos cobrar judicialmente.
No decorrer da entrevista, o prefeito não poupou críticas aos sindicalistas:
— Uma parte desses que promovem greve estão aí há dez, 30 anos, fazendo política partidária. muitos enriqueceram, tem casa de luxo, carro de luxo ,às custas do trabalhador e daquele que é obrigado a pagar contribuição sindical. Num momento em que precisa de apoio para gerar emprego, não tem. Para gerar greves, aparece tranporte, lanchinho e facilidades. Uma vergonha.
Além de cobrar multa dos sindicatos, Doria pretende cortar o ponto de servidores municipais que não forem ao trabalho. Segundo ele, funcionários da Prefeitura Regional de Pinheiros não foram para casa na noite de quinta-feira e dormiram no trabalho “para que hoje pudessem estar ali trabalhando”.



Blog do BG


MAIS PRESSÃO: "Temer cortará ponto de quem faltar ao trabalho e aderir à greve"

No dia em que serão realizados protestos contra as reformas governistas, o presidente Michel Temer cortará o ponto de servidores públicos que faltarem ao trabalho para aderir à greve geral marcada para sexta-feira (28).
Para adotar a medida, a atual administração tem se baseado em decisão de outubro do STF (Supremo Tribunal Federal), a qual estabeleceu que o poder público deve cortar os salários de servidores em paralisação.
O Palácio do Planalto tem lembrado que na sexta-feira (28) não haverá ponto facultativo, mesmo às vésperas do Dia do Trabalhador, e que, portanto, o entendimento da Suprema Corte pode ser adotado.


POLÍTICA: "TSE desaprova contas de 2011 e aplica sanção de R$ 10 milhões ao PSDB"

Em um de seus últimos atos como ministro do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), o jurista Henrique Neves não aprovou, no último dia 11 de abril, as contas do PSDB referentes ao ano de 2011.
Neves determinou que o partido devolva cerca de R$ 4 milhões ao erário, bem como que deixe de receber uma das doze parcelas mensais do fundo partidário referentes a 2017 o que, no caso do PSDB, corresponde a R$ 6,6 milhões. O diretório tucano também deverá destinar R$ 2,1 milhões para o incentivo à participação de mulheres na política.
Entre as principais irregularidades identificadas pelo ministro do TSE estão: despesas com passagens aéreas sem a comprovação de utilização dos bilhetes, despesas dos diretórios estaduais sem comprovação da prestação de serviços e da vinculação com atividade partidária, não apresentação de notas fiscais de hospedagem e pagamento de hospedagem sem utilização de diária, entre outros.
A decisão monocrática do ministro Henrique Neves não precisou ser referendada pelo plenário do TSE, pois uma resolução aprovada recentemente pelo tribunal autorizou que, em determinados casos, a reprovação das contas seja decidida individualmente pelo relator.


PRESSÃO: "Procon quer responsabilizar escolas particulares que aderirem à Greve Geral"

As escolas particulares que anunciaram a paralisação das suas atividades nesta sexta-feira (27) em apoio aos seus funcionários que aderiram á Greve Geral contra as reformas da Previdência e Trabalhista poderão ser responsabilizadas pelo Procon Estadual. A informação foi postada pelo Coordenador Geral do órgão, Cyrus Benavides, em seu perl particular na rede social twiter.
De acordo com a postagem, o Procon vai abrir procedimento contra as escolas que não vão funcionar amanhã. “Vamos abrir procedimento para que haja devolução proporcional, uma vez que os pais pagam muito caro pelas mensalidades”, escreveu o coordenador. As escolas, sejam públicas ou particulares, têm a obrigação de cumprir os 200 dias letivos. No caso das particulares o agravante está no fato de serem pagas por esses 200 dias e, por se tratar de relação de consumidor, o Procon pode tomar a iniciativa.