.

sexta-feira, 2 de setembro de 2016

DESTAQUE: "Como o Blog adiantou, Drª Anna Paula Medeiros receberá amanhã (03) prêmio de Melhor Acupunturista e Método de Emagrecimento e Nutrição"

Amanhã 03 de setembro, será um dia de grande alegria para a nutricionista parelhense, Drª Anna Paula Medeiros, filha do comerciante Zeca de Eraldo.
Aninha, como é carinhosamente conhecida na cidade, receberá junto com sua sócia e criadora do Método Top Line, Marcia Arruda, o Prêmio de Melhor Acupunturista e Método de Emagrecimento e Nutrição.
A entrega do prêmio acontecerá na capital do estado.

Do Blog: "Sucesso a Drª Anna Paula e toda equipe do Método Top Line, que em breve estará oferecendo seus serviços em nossa cidade."  Parabéns!!

ELEIÇÕES 2016: "Portaria do TSE abre caminho para doações eleitorais com cartão de crédito"

Uma portaria assinada ontem (1º) pelo presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), Gilmar Mendes, viabiliza doações eleitorais por meio de cartão de crédito de pessoas físicas.
As novas regras eleitorais aprovadas no ano passado preveem que apenas pessoas físicas podem fazer doações para campanha de candidatos e partidos. Uma resolução do TSE já permitia que tal doação fosse realizada por transferência eletrônica ou por cartão de crédito.

Pelas regras do TSE, somente o titular do cartão pode fazer a doação e fica a cargo dos candidatos e partidos atestar se o doador registrado e o dono do cartão são a mesma pessoa.


As operadoras de cartões, no entanto, estavam dificultando essa confirmação de titularidade, que deve ser feita no momento da transação, alegando questões legais e técnicas no compartilhamento dessas informações.
Após negociações que envolveram também o Banco Central, a nova portaria do TSE resolve a questão. Agora, as instituições de pagamento credenciadoras ou emissoras de cartão passarão aos candidatos e partidos nome e CPF do titular do cartão, data, horário e valor da doação.
O eleitor que quiser usar o cartão de crédito para fazer a doação deve ir a um terminal do candidato ou partido e receber um recibo de doação eleitoral. As doações por esse meio de pagamento estão submetidas ao mesmo limite de 10% da renda declarada pelo doador no ano anterior ao pleito.

PARELHAS: "Mesa Redonda deste sábado(03) receberá Alexandre e Nazilda"

O Programa Mesa  Redonda, apresentado pelo Blogueiro Marcos Dantas e a Radialista Joelma de Souza, receberá neste sábado os candidatos pela Coligação "É Daqui Prá Melhor", Alexandre Petronilo e Nazilda Tavares.
Como decidido em sorteio, os convidados responderão as perguntas dos apresentadores, advindas de todos os segmentos e terão oportunidade de apresentarem suas propostas.

O Programa Mesa Redonda entra no ar á partir das 10:30 da manhã, pela Rádio Rural AM Parelhas.

Fiquem ligados!

Na China, Temer diz que manifestações não representam vontade da maioria

O presidente Michel Temer disse hoje (2), em viagem à China, não ver risco de contradições entre seu discurso de reunificação e repacificação nacional, e as manifestações que têm ocorrido em algumas localidades do país, feitas contra seu governo.
“A mensagem de reunificação e repacificação nacional, que eu lanço, não é em benefício pessoal, mas dos brasileiros. E eu sinto que os brasileiros querem isso. Quem muitas vezes se insurge, como um ou outro movimentozinho, é sempre um grupo muito pequeno de pessoas. Não são aqueles que acompanham a maioria dos brasileiros”, disse Temer a jornalistas que o acompanham na viagem.
O presidente negou ter sido surpreendido por suposta manobra no Senado, que resultou na habilitação da ex-presidente Dilma Rousseff para exercer funções públicas. “Estou acostumado a isso. Estou há mais de 34 anos na vida pública e acompanho permanentemente esses pequenos embaraços que logo são superáveis”, disse Temer.
“Ontem mesmo falei com companheiros do PSDB, PMDB e DEM, e essa questão toda será superada. Não há a menor dificuldade. Não se tratou de manobra. Tratou-se de uma decisão que se tomou. Sempre aguardo respeitosamente as decisões do Senado”, acrescentou.
Segundo o presidente, essa questão entrou, agora, em uma "seara" jurídica. "O Senado tomou a decisão. Certa ou errada, não importa, o Senado tomou a decisão. Me parece que ela está sendo questionada agora juridicamente. Então, ela sai agora do plano exclusivamente político para o quadro de uma avaliação de natureza jurídica”.
 Tags: Política

SOLY SPORTS INFORMA: "Acesse nosso site de vendas, compre em até 12x e receba em casa"


UTILIDADE PÚBLICA: "Pagamento dos servidores estaduais começa nesta sexta-feira"

O Governo do Estado continua o pagamento do funcionalismo nesta sexta-feira (2). A folha de agosto vem sendo paga por faixa salarial sem distinção entre ativos e aposentados. Os servidores da Educação serão os primeiros a receber, já no primeiro dia (2), independente do valor do salário, por possuírem recursos específicos.
No dia 6 terão os vencimentos depositados os servidores que recebem até R$ 2 mil. O calendário prossegue dia 8, após o feriado da Independência, com o pagamento creditado na conta daqueles que recebem entre R$ 2.001,00 até R$ 3 mil.
Os servidores que ganham de R$ 3.001,00 a R$ 4 mil terão os pagamentos efetuados dia 10, quando 84% do funcionalismo já terá recebido os salários. No dia 14 será a vez daqueles que recebem de R$ 4.001,00 até R$ 5 mil. Os servidores que recebem acima de R$ 5 mil receberão os salários dia 17.
PagamentoAgosto

NATAL: "Candidatos do PT e PCdoB e militantes recepcionam Fátima Bezerra"

“Fátima, guerreira da pátria brasileira!”.
Com esse grito, um grupo de apoiadores recepcionou a única senadora do Rio Grande do Norte que foi contra o impeachment da presidenta Dilma Rousseff. Fátima Bezerra desembarcou no aeroporto de São Gonçalo do Amarante nesta quinta-feira (1º) por volta das 13h e foi surpreendida pelo grupo.

Bancários do RN aprovam greve por tempo indeterminado a partir da próxima terça-feira dia 06

Os bancários do Rio Grande do Norte se reuniram na noite desta quinta-feira,12° de setembro, na sede do Sindicato e aprovaram por unanimidade a greve com início da terça, 6 de setembro. A data encaminhada pelo Comando Nacional foi aprovada pela categoria no estado.
Com data-base em 1º de setembro, os bancários de todo país já estão negociando com a Fenaban há alguns dias, mas com a estagnação das reuniões a categoria não vê outra alternativa.
O Sindicato dos Bancários do RN faz parte da Frente Nacional de Oposição Bancária (FNOB) e defende como pauta um reajuste de 28,33% (índice leva em consideração as perdas históricas -bancos privados-21,33%- e indicador da média de crescimento de ativos dos 15 maiores bancos – 7%); fim do assédio e da terceirização; reposição das perdas salariais; PLR linear – 25% do lucro líquido dos bancos; isonomia e contratação já!
O Comando Nacional de Negociação é liderado pela Contraf-CUT que defende um reajuste salarial: 14,78% (incluindo reposição da inflação mais 5% de aumento real); PLR: 3 salários mais R$8.317,90; Piso: R$3.940,24 (equivalente ao salário mínimo do Dieese em valores de junho último); Vale alimentação no valor de R$880,00 ao mês (valor do salário mínimo); vale refeição no valor de R$880,00 ao mês; 13ª cesta e auxílio-creche/babá no valor de R$880,00 ao mês.
A Fenaban ofereceu um percentual de 6,5% mais um abono de R$3 mil, o que é considerado pelos bancários uma afronta. O setor financeiro é o que mais lucrou nos últimos tempos no Brasil, e apesar da alardeada crise econômica continuou lucrando. Além disso, a categoria é contra apolítica de abono que a Fenaban tenta implantar, uma vez que isso acarreta corrosão nos salários e ainda prejudica Fundos de Previdência e Caixas de Saúde.

PSDB, DEM e PPS entrarão no STF contra manutenção de direitos políticos de Dilma


O líder do PSDB no Senado, Cássio Cunha Lima (PB), anunciou hoje (1º) que o partido voltou atrás e decidiu ingressar com um mandado de segurança coletivo no Supremo Tribunal Federal contra a divisão da votação do impeachment da presidente afastada Dilma Rousseff ontem (31). O instrumento jurídico será assinado também pelo DEM e pelo PPS e deve ser apresentado amanhã (2).

Ontem, os senadores dividiram a votação do julgamento de Dilma em duas partes. Na primeira, condenaram a presidente por crime de responsabilidade à perda do mandato. Na segunda, rejeitaram a sanção de perda da função pública por oito anos, permitindo que Dilma volte a atuar no setor público, inclusive como gestora, se for o caso.
Para os senadores tucanos, a segunda decisão do Senado não poderia ter sido aprovada, uma vez que a sanção de perda da função pública faz parte da condenação no impeachment. No entanto, ontem, segundo Cunha Lima, o PSDB e o DEM tinham entendido que a vitória maior tinha sido conquistada com o afastamento definitivo de Dilma e tinham decidido não questionar a segunda votação no STF.

GESTÃO DESASTROSA: "MPF recorre para aumentar pena da ex-prefeita Micarla de Sousa e mais oito condenados"


O Ministério Público Federal (MPF) ingressou com recurso para aumentar a pena imposta à ex-prefeita de Natal, Micarla de Sousa, e outros oito condenados nos crimes descobertos pela chamada Operação Assepsia. A investigação revelou um esquema de desvio de verbas do Fundo Nacional de Saúde (FNS) por meio da contratação da Associação Marca pela prefeitura de Natal entre 2010 e 2012.

“A sentença judicial foi exemplar ao condenar pessoas envolvidas em um dos maiores escândalos de corrupção já descobertos em Natal e certamente servirá de alerta para outros que pretendam agir de forma igualmente ilícita com os recursos públicos. Ainda assim, consideramos que é necessário, e legalmente devido, a majoração das penas e a condenação por crimes pelos quais alguns réus foram absolvidos, de modo que tenhamos a devida reprimenda aos atos praticados”, destacou o autor da apelação, o procurador da República Fernando Rocha.

A sentença recorrida foi proferida no dia 29 de julho e diz respeito a uma das 16 ações que tramitam na Justiça Federal decorrentes da Operação Assepsia (oito penais e oito por improbidade administrativa). A apelação do MPF requer um novo cálculo das penas, levando-se em conta os agravantes já observados pelo juiz federal Walter Nunes, quando da sentença, e o acréscimo de novos agravantes ainda não considerados. O recurso busca também a condenação do ex-procurador do município Alexandre Magno por corrupção passiva e de sua esposa, jornalista Anna Karinna Cavalcante, por associação criminosa e lavagem de dinheiro.

No esquema desbaratado pela operação, pessoas ligadas à prefeitura do Natal organizaram, junto com o empresário Tufi Soares Meres, o desvio de recursos que resultou em R$ 24 milhões de prejuízo aos cofres públicos. Os crimes foram concretizados pela contratação da Associação Marca, “travestida de organização social”, para gerir os ambulatórios médicos especializados (AMEs) dos bairros Nova Natal, Planalto e Brasília Teimosa e a unidade de pronto-atendimento (UPA) do Pajuçara.