.

quarta-feira, 24 de janeiro de 2018

BLOG INFORMA: "Instituto Frank Kleber fará aulões preparatórios para concurso da PM-RN


A direção do IFK CONCURSOS informa que a partir do próximo sábado(27/01) iniciará um ciclo de aulões para o concurso da PM-RN.



Inscrições:9999-87225 com Frank professor.(Whatsapp)


Vagas Limitadas.

CURRAIS NOVOS: "Prefeitura publica decreto de situação de emergência pela seca"

A Prefeitura Municipal de Currais Novos publicou nesta segunda-feira (22) no Diário Oficial dos Municípios o Decreto nº 4713, de 15 de janeiro de 2018, que declara situação de emergência em todo o território do município devido o desastre natural do tipo “estiagem severa – SECA”. O longo período de estiagem severa que vem se arrastando desde 2012, secou os principais mananciais de abastecimento do município, além de ocasionar a interrupção da distribuição de água pela CAERN.
De acordo com o decreto, com base no inciso IV do artigo 24 da Lei nº 8.666 de 21 de junho de 1993, ficam dispensados de licitação os contratos de aquisição de bens necessários às atividades de resposta ao desastre, de prestação de serviços e de obras relacionadas com a reabilitação dos cenários de desastre, assim como, fica estabelecido como prioritário o abastecimento humano e dessedentação animal.

Fátima Bezerra acompanha julgamento de Lula em Porto Alegre

A senadora Fátima Bezerra (PT) está em Porto Alegre acompanhando ao lado de militantes do PT, o julgamento do ex-presidente Lula no Tribunal Regional Federal da 4ª Região.
Ela visitou hoje (22) o acampamento montado pelos manifestantes e ontem (23) esteve na mobilização.

VÍDEO: "Em Parelhas padre diz que quem votou a favor da Reforma Trabalhista é um péssimo cristão"

O Padre Josenilton Hipólito de Araújo de Parelhas, em sua homilia, afirmou que os senadores Garibaldi Alves e José Agripino Maia e demais deputados que votaram a favor da reforma trabalhista são  “péssimos cristãos”. 

O Padre Hipólito também disse que os deputados e senadores que votaram a favor da reforma trabalhista tiveram “atitudes desonestas”.

Veja o vídeo:



PROCURADOR: “Lamentavelmente, Lula se corrompeu”

O presidente da 8ª Turma do Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF-4), Leandro Paulsen, iniciou às 8h30 o julgamento da apelação do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) contra a condenação pelos crimes de corrupção passiva e lavagem de dinheiro no caso do apartamento tríplex no Guarujá (SP). A acusação é de que o imóvel teria sido um presente da construtora OAS para Lula.
O relator, desembargador João Pedro Gebran Neto, disse no início de sua fala, que os magistrados julgarão os fatos. “Vamos fazer o julgamento dos fatos, não da vida pregressa das pessoas”.  Ele leu um resumo da sentença de do juiz da primeira instância, Sergio Moro, que condenou o ex-presidente a nove anos e meio de prisão e foi seguido pelo representante do Ministério Público, Maurício Gotardo Gerum.
O procurador disse que não é porque a acusação é contra o ex-presidente Lula que é preciso ter a escritura do apartamento tríplex no Guarujá registrada em cartório no nome do petista. Gerum disse que o processo penal é um jogo de “prova contra prova” porque não há recibo de corrupção e afirmou que “Lula lamentavelmente se corrompeu”. 
As informações são de Valor Econômico.

ENQUANTO ISSO: "Governo quer elevar a idade para idoso pobre receber benefício"

O governo Michel Temer planeja elevar a idade mínima para idosos pobres receberem benefício assistencial, caso consiga aprovar a reforma da Previdência neste ano, segundo o Ministério do Desenvolvimento Social, responsável pela política.
O secretário-executivo da pasta e ministro em exercício, Alberto Beltrame, disse à Folha que a ideia é aumentar para 68 anos a idade mínima do BPC (Benefício de Prestação Continuada), que hoje está em 65 anos.
“A idade do BPC, em aprovada a mudança da idade da Previdência, tem que subir um pouco”, afirmou. “O que estamos falando aqui é de colocar em torno de 68 anos.”
A explicação para a mudança, segundo Beltrame, é que manter a idade do BPC em 65 anos “pode ser desestimulante à contribuição” à Previdência.
Diferente de uma aposentadoria, o BPC é assistencial e não exige contribuição anterior ao INSS.
O benefício, no valor de um salário mínimo (R$ 954), é pago a idosos e pessoas com deficiência de baixa renda. Para receber, é necessário que a renda familiar por pessoa seja inferior, hoje, a R$ 238,50. 
As informações são da Folha de São Paulo.