.

terça-feira, 19 de dezembro de 2017

"Quadrilhão do PMDB” não deve ser julgado por Moro, decide STF"

O Supremo Tribunal Federal (STF) decidiu, nesta terça-feira (19), que as acusações contra o ex-deputado Eduardo Cunha (PMDB-RJ); os ex-ministros Geddel Vieira Lima e Henrique Eduardo Alves; e o deputado Rodrigo Rocha Loures, ex-assessor do presidente Michel Temer, devem ser enviados para a Justiça Federal em Brasília e não ao juiz Sérgio Moro, responsável pela Operação Lava Jato em Curitiba.

O Supremo Tribunal Federal (STF) decidiu, nesta terça-feira (19), que as acusações contra o ex-deputado Eduardo Cunha (PMDB-RJ); os ex-ministros Geddel Vieira Lima e Henrique Eduardo Alves; e o deputado Rodrigo Rocha Loures, ex-assessor do presidente Michel Temer, devem ser enviados para a Justiça Federal em Brasília e não ao juiz Sérgio Moro, responsável pela Operação Lava Jato em Curitiba.


VÍDEO: "Servidores sem salário atacam carro do governador na saída da Governadoria"

Após reunião com servidores do Estado, o governador Robinson Faria teve seu carro atacado por servidores que ainda estão sem o salário de novembro.
Também preferiram palavras de ordem contra o chefe do executivo estadual.

Confira o vídeo:

RN: "Em protesto, PMs dizem que só saem às ruas quando Governo pagar salários"

Os policiais militares do Rio Grande do Norte iniciaram na manhã desta terça-feira, 19, o que vem sendo chamado de operação “Segurança com segurança”, que prevê que os agentes deixem os quartéis para atuarem nas ruas apenas quando houver condições de trabalho adequadas. Entre as reivindicações, os policiais cobram o pagamento de salários atrasados e a divulgação de um calendário para a quitação das próximas folhas e o décimo terceiro salário.
De acordo com o subtenente Eliabe Marques, presidente da Associação dos Subtenentes e Sargentos Policiais e Bombeiros Militares do RN (ASSPMBMRN), a decisão foi tomada nesta segunda-feira, 18, após reunião entre os servidores e o governador Robinson Faria.
A orientação da Associação dos Praças é que os policiais e bombeiros militares somente trabalhem caso estejam munidos dos equipamentos essenciais à atividade, entre eles armamento adequado, coletes dentro do prazo de validade, algemas e cinto de guarnição. Da mesma forma, os PMs somente deverão prestar o serviço de diária operacional quando houver disponibilidade na rotina de descanso regulamentar.
Na mesma linha, de acordo com a ASSPMBMRN, o militar estadual somente deverá conduzir viatura quando forem atendidos todos os requisitos previstos na Lei Federal nº 9.503 de 23 de setembro de 1997 (CTB). Em especial, ser possuidor do curso de treinamento de prática veicular em situação de risco, bem como, portar os documentos de porte obrigatório referente ao veículo a ser conduzido, além do referido veículo está de acordo com as normas vigentes.

AgoraRN


Temer e cúpula do PMDB apelam ao candidato de 2018 que defenda o governo

O presidente Michel Temer e a cúpula do PMDB disseram nesta segunda-feira, 18, que o candidato do campo governista na disputa presidencial de 2018 não vai conseguir dissociar a defesa das reformas do legado da atual gestão.
Durante evento realizado na Fundação Ulysses Guimarães, nesta manhã, em Brasília, o  presidente, os ministros Moreira Franco (Secretaria de Governo) e Eliseu Padilha (Casa Civil)  reforçaram que o candidato da base terá de cumprir essa missão. Segundo Temer, qualquer um que defender as reformas não terá como se dissociar de seu governo.
“Quem for candidato à Presidência da República e disser que vai continuar (no governo) ou que terá também um governo de reformas,  estará cravado na sua campanha a tese do acerto do nosso governo”, disse. O presidente do partido, Romero Jucá (RO), afirmou que as reformas “têm o carimbo” do PMDB. As informações são de O Estado de São Paulo.

AGORA VAI: "Temer recebe passe de suposto pai de santo durante convenção do PMDB"

O presidente Michel Temer recebeu um passe de um homem que se apresenta como Pai Uzêda, na manhã desta terça-feira, durante a convenção do PMDB. O suposto pai de santo é uma figura folclórica que circula em eventos oficiais, como a posse de Joaquim Barbosa na presidência do Supremo Tribunal Federal (STF), em 2012. Ele subiu ao palco logo após a chegada de Temer, que havia cancelado de última hora sua participação no evento, mas apareceu de surpresa, quando toda a equipe de assessoria já havia deixado o local.
Pai Uzêda disse, após o evento, que Temer está sendo vítima de “muita macumba”. E que o “trabalho” feito contra o presidente era para matá-lo, por isso ele ficou doente. Temer foi submetido a dois procedimentos cirúrgicos por problemas na uretra e um outro para desobstruir a artéria coronária nos últimos dois meses.
Ele já foi candidato a deputado estadual pelo PP no Rio de Janeiro nas eleições de 2014, e falou que foi contratado pelo PMDB para benzer Temer e o Palácio do Jaburu, onde o presidente mora em Brasília. O partido nega que tenha contratado os serviços de Pai Uzêda. As informações são de O Globo.
— Fizeram um trabalho de vodu contra o presidente Temer, por isso que ele teve a doença. Jogaram pesado contra o presidente. Eu fui defumar, benzer, tirar tudo. Foram encontrados quatro bonecos com foto do doutor Michel. O trabalho que fizeram contra o Dr. Michel foi para ele morrer no hospital —
Segundo ele, a macumba era para atingir, além de Temer, o presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), e “toda a cúpula do PMDB”.