.

sexta-feira, 27 de janeiro de 2017

SANTANA DO SERIDÓ: "Hudson participa do Janeiro Branco e recebe novos profissionais da saúde"

A equipe do Prefeito Hudson Pereira, participou do Janeiro Branco no Hospital Maternidade daquela cidade.

Na oportunidade, Hudson, ao lado da sua esposa Solange Regina, da Vice-Prefeita Tatiana Fátima e do Vereador Caio Cabral deram as boas-vindas ao psiquiatra Dr. Bruno e a psicóloga Drª Salma, que retornam ao município para cuidar da população.





PARELHAS: "Grande expectativa para o início do 1º período Legislativo de 2017"

Existe uma grande expectativa por parte da população parelhense, para a nova legislatura na Câmara municipal. Com (4), novos vereadores(Dr. Alyson Wagner, Ytaiguara, Netinho e Rogéria), além do veterano Humberto Gondin. 
A população, espera que a renovação seja positiva. 
A ansiedade pelo início do ano legislativo, é muito grande. O primeiro período Legislativo deverá ter início no dia 16 de fevereiro.


ROBINSON FARIA: "Estou sem dormir há quase dez dias"

“Governador das Crises”. Foi assim que Robinson Faria (PSD) se definiu em entrevista nesta quinta-feira (26), à InterTV Cabugi, para falar sobre a grave crise no sistema penitenciário do Rio Grande do Norte. “Até agora só gerenciei crises”, ressaltou o Chefe do Executivo Estadual, que na campanha prometeu ser o Governador da Segurança e enfrenta o maior caos da área na história do Estado.
O governador informou que estão sendo realizadas medidas de curto e médio prazo para melhorar o sistema carcerário: “Estou sem dormir há quase dez dias, trabalhando muito para melhorar o sistema penitenciário do Rio Grande do Norte. Estamos quebrando paradigmas ao enfrentar esse cenário de guerra”.
Robinson Faria voltou a dizer que a matança ocorrida no Rio Grande do Norte foi uma retaliação a Manaus, onde presos também se rebelaram antes de Alcaçuz, contrariando o discurso de aliados que culpam o local da construção do presídio: “Sofremos uma retaliação a Manaus e o Estado estava desprevenido”.
Na entrevista, o governador ainda confirmou divergências entre seus auxiliares durante o auge da rebelião de Alcaçuz, quando setores da imprensa – inclusive este blog – divulgaram que seria entre os Secretários de Segurança, da Justiça e o Comandante da Polícia Militar, diante das declarações dadas por cada um.
Heitor Gregório 
RESTAURANTE

INVERNO: "RN registra bos chuvas na madrugada desta sexta"

A chuva voltou a cair com boa intensidade em várias cidades do Rio Grande do Norte na tarde/noite desta quinta-feira (26) e madrugada desta sexta-feira (27), trazendo esperança de um bom inverno aos potiguares.
Confira os registros pluviométricos chegados a nossa redação:
Alexandria – 97 mm
Tenente Ananias – 95 mm
Luiz Gomes – 75 mm
Paraná – 50 mm
Caiçara – 44 mm
Marcelino Vieira – 35 mm
Timbaúba dos Batistas – 18 mm
Jardim do Seridó – 16 mm
Riacho de Santana – 10 mm

A Fonte

BRASIL: "Com novas regras do seguro-desemprego, mais de um milhão ficam sem o benefício"

As normas mais rigorosas do seguro-desemprego geraram uma economia de R$ 3,8 bilhões no ano passado, informou nesta segunda-feira, 23, o Ministério do Trabalho. Segundo o órgão, em 2015 e 2016, 14,6 milhões de pessoas solicitaram o seguro-desemprego. Se estivessem em vigor as regras anteriores, o número seria de 15,7 milhões, segundo estimativas da Pasta.
Ou seja, com a mudança nas exigências mais de um milhão de trabalhadores (1.135.444) ficaram sem o benefício. Foram desembolsados R$ 70,4 bilhões nesses dois últimos anos. O gasto teria sido de R$ 74,3 bilhões caso não tivessem ocorrido as alterações.

O SEGREDO ESTÁ NOS DETALHES

REAÇÃO: "Banda Grafith entra na justiça e pede investigação sobre memes envolvendo o grupo"

A banda Grafith através de uma nota de esclarecimento se posicionou para imprensa, fãs e contratantes sobre os memes que circulam na internet, nas redes sociais e nos grupos de Whats App envolvendo o nome da banda em uma possível “reinauguração” do Pavilhão 5, a arte ainda fala em tuneis e celas especiais para assistir ao show.
A nota fala que tais “brincadeiras” tem prejudicado o trabalho da banda , inclusive, com os contratantes. leia a nota na integra:
Nota de Esclarecimento – Banda Grafith
Dia após dia, acompanhamos as notícias que surgem quanto a segurança do nosso Estado e o atual caos que se instalou nos últimos dias devido as rebeliões no presidio de Alcaçuz.
Não é de hoje que a Banda Grafith é alvo de críticas que só visam denegrir nossa imagem. Na maioria das vezes até achamos engraçado, tamanha é a facilidade das pessoas em criarem memes, fotos, vídeos com tanta criatividade.
Em outros momentos ignoramos e deixamos simplesmente que a Nação Grafitheira responda por nós, com toda a sua garra e carinho.
Infelizmente, chegamos a um ponto em que a brincadeira passou de todos os limites aceitáveis. Fazer o uso da imagem alheia com intuito de denegrir é crime de Calúnia, difamação e injúria segundo o artigo 138 a 140 do Código Penal.
Colocando em tom de “zueira” a imagem da nossa empresa, de um grande amigo e colega de profissão Edson Gomes e a situação caótica do nosso estado.
Temos visto vídeos e ouvido áudios que associam a nossa imagem a badernas, mortes, apologia a violência, drogas e crimes de tudo quanto é categoria, e isso tem nos deixado profundamente tristes.
Quem nos conhece de perto sabe da nossa índole, dos nossos valores. Sabe acima de tudo que tivemos a criação de um militar de extremo caráter, que fazemos questão de honrar.
Por todo esse desconforto gerado tomamos as medidas cabíveis na justiça contra os danos morais provocados através dessas calúnias e difamações.
E deixamos claro que a partir de agora não vamos tolerar estes excessos sem procurar os nossos direitos enquanto cidadãos, profissionais e pais de família.
É isso pessoal, esta sim é a Nota que a Banda Grafith gostaria de transmitir, e não a falsa “Nota de Repúdio” que está circulando entre os grupos e que não foi feita por nós.
Agradecemos a todos que sempre estão ao nosso lado, principalmente aos nossos fãs que nos defendem com tanta convicção. Pedimos gentilmente que sempre que tiverem alguma dúvida entrem em contato através dos nossos canais oficiais de comunicação que estaremos totalmente abertos para respondê-los.
Um abraço da Família Grafith.
RESTAURANTE



RN: "Agentes hasteiam bandeiras do Brasil e do Estado em Alcaçuz"

As bandeiras nos telhados da Penitenciária Estadual de Alcauz, antes de facções criminosas, agora dão lugar às bandeiras do Brasil, do Rio Grande do Norte e do sistema penitenciário. Homens do Grupo de Operações Especiais (GOE) do governo do Rio Grande do Norte e agentes penitenciários da força-tarefa federal entraram, na manhã desta sexta-feira (27) para retomar o controle da unidade.
A operação, denominada Phoenix, tem como objetivo retomar, reestabelecer e reformar o presídio, palco de uma rebelião que deixou 26 mortos no dia 14 de janeiro.
Segundo o comando da operação, o controle dos pavilhões 4 e 5, onde ficam detentos ligados ao Primeiro Comando da Capital (PCC), foi retomado. Nos pavilhões 1, 2 e 3, do Sindicato do RN, presos trabalham na reconstrução dos muros, retiram pichações e recolhem escombros da unidade.
Uma revista em busca de objetos proibidos também deve ser realizada no presídio.
O nome da Operação Phoenix é uma alusão a um pássaro da mitologia grega que, quando morria, entrava em auto-combustão e, passado algum tempo, renascia das próprias cinzas. O titular da Secretaria Estadual de Justiça e Cidadania, Wallber Virgolino, está em Alcaçuz.
A operação marca a entrada em operação da força-tarefa federal de agentes penitenciários criada pelo Ministério da Justiça em meio à série de rebeliões e mortes ocorridas em prisões brasileiras. Um grupo de 78 profissionais chegou ao Rio Grande na noite da última quarta-feira (25).
Os agentes, de outros estados, têm treinamento especial para atuação em casos específicos como rebeliões, controle da população carcerária e intervenção em unidades prisionais. O trabalho desses profissionais é acompanhado pelo Departamento Penitenciário Nacional.
A penitenciária está dividida em duas. Para evitar que membros do PCC e do Sindicato do RN, facção rival, circulem livremente  pelos pavilhões do presídio após diversas mortes confirmadas, ⁠⁠⁠contêineres provisórios foram instalados para separar os pavilhões 4 e 5 (do PCC) dos pavilhões 1, 2 e 3 (do Sindicato RN). Posteriormente os contêineres serão substituídos por um muro de concreto.


LAVA-JATO: "Ninguém deseja ser relator, diz Gilmar Mendes"

O presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) e ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Gilmar Mendes, disse que “ninguém deseja ser relator da [Operação] Lava Jato”. Em palestra sobre Crise Política e Conflito entre Poderes, na Casa do Saber, em São Paulo, ele afirmou que ser relator de um processo como esse “tumultua a vida de todos e desorganiza por completo o gabinete, que passa a ficar concentrado nesse tipo de matéria”.

Mendes evitou se posicionar sobre a relatoria do processo, que estava a cargo do ministro Teori Zavascki, que morreu no último dia 19 em acidente aéreo em Paraty, no Rio de Janeiro.  “A presidente [do STF] Cármen [Lúcia] está fazendo essa avaliação e certamente tomará a deliberação tendo em vista exatamente a base do artigo do regimento interno. Ela, certamente, fará essa avaliação, discutindo com os colegas e produzindo talvez um consenso básico, um entendimento entre eles”, disse.

Mendes também evitou falar sobre o julgamento do processo de cassação da chapa de Dilma Rousseff e Michel Temer. Questionado, disse não ter previsão se o processo será julgado ainda neste semestre. “Depende do que o relator traga a esse processo. Ele ainda está fazendo a instrução, o processo se alongou, como eu disse, porque nós consumimos um ano – todo o ano de 2015 – discutindo sua admissibilidade. Portanto, houve uma demora involuntária. Por isso que estamos atrasados”, explicou.