.

terça-feira, 31 de outubro de 2017

DESTAQUE: "Chicabana e Solteirões são atrações da 37ª Festa dos Caminhoneiros de Parelhas"

Uma das festas mais esperadas do Seridó acontecerá, de 17 a 19 de novembro, no Clube Acampar. A Festa dos caminhoneiros atrai milhares de pessoas e chega ao seu ápice com o Festival da Cerveja. E para esta edição, que acontecerá no domingo (19), a partir das 15h, o evento promete ser eletrizante com a apresentação da banda baiana Chicabana.
Além de Chicabana, o Festival da Cerveja vai apresentar shows de Giannini Alencar e da banda Som e Balanço de Natal. Serão distribuídos 6.000 litros de cerveja geladíssima totalmente grátis, tendo como patrocinador a marca  Skol.
A programação musical da Festa dos Caminhoneiros terá início na sexta-feira (17), às 18hs, com a carreata dos caminhoneiros pelas ruas da cidade até a Igreja de São Cristóvão, onde haverá missa. A partir das 22 horas, o Clube Acampar abre suas portas com shows das bandas Solteirões, Avine Vinny e Bob Léo Mercadoria que irão fazer o público dançar seus grandes sucessos. No sábado, às 23h, a  festa apresentará um dos fenômenos da música  Sertaneja, a cantora Maria Clara, além dos shows das bandas  Forró da Resenha e Forró do Amasso.


THIAGO CABRAL: "Sempre acompanhei o Papa Jerimum e em 2018 não será diferente"

Em contato com o Blog, o ex-vereador de Santana do Seridó Thiago Cabral, disse que não vai apoiar o deputado estadual Nelter Queiroz, como foi divulgado pelo Blog.

Segundo o ex-vereador, que é filiado ao PT,  apenas posou em uma foto com o deputado e nada mais.

"Sempre acompanhei Vivaldo Costa, o Papa Jerimum e em 2018 não será diferente, não vejo e não tenho nenhum motivo para não apoia-lo". Frisou Thiago


E NO SILÊNCIO DAS PANELAS: "Servidor não terá reajuste e contribuição vai aumentar"

O governo definiu a nova versão do Orçamento de 2018 e encaminhou ao Congresso um conjunto de medidas provisórias (MPs) de aumento de tributos e cortes de despesas que pretende garantir R$ 12,6 bilhões extras. Com medidas consideradas impopulares, o pacote foi apresentado dois meses e meio após seu anúncio e superada a votação da denúncia contra o presidente Michel Temer.
O reajuste salarial do funcionalismo foi adiado para 2019. A alíquota de contribuição previdenciária dos servidores subirá. A contribuição sobre o salário até o teto do INSS (R$ 5.531,31) continua em 11%. Os que ganham mais pagarão 14% sobre a parcela que excede o teto. Os servidores já se arti-
cularam para tentar barrar a proposta. Também com o objetivo de ampliar a receita o governo vai taxar fundos de investimento exclusivos fechados, para clientes de alta renda. Esses fundos são compostos por apenas um investidor e isentos de Imposto de Renda nas movimentações internas.
O governo apresentou ontem a nova versão do Orçamento de 2018 e encaminhou, dois meses após o anúncio, as Medidas Provisórias que vão garantir R$ 12,6 bilhões extras no ano que vem com aumento de arrecadação e corte de despesas. A demora no envio das medidas ao Congresso teve como objetivo não atrapalhar as negociações para barrar a segunda denúncia contra o presidente Michel Temer. As informações são de O Estado de São Paulo.


NENHUMA SURPRESA: "Gilmar suspende transferência de Sérgio Cabral"

O ministro Gilmar Mendes, do Supremo Tribunal Federal (STF) suspendeu nesta terça-feira (31) a transferência do ex-governador Sérgio Cabral para o presídio federal de Campos Grande (MS). Com a decisão, o peemedebista permanece no Rio.
Esta é a primeira decisão de impacto, de Gilmar, depois do barraco protagonizado por ele e pelo ministro Luis Barroso na sessão plenária de quinta-feira (26). Na ocasião, Barroso disse que Gilmar é ‘leniente em relação à criminalidade do colarinho branco’. Gilmar retrucou dizendo que ‘não é advogado de bandidos internacionais’.
Preso desde 17 de novembro de 2016, Cabral ocupa uma cela na Cadeia Pública José Frederico Marques, em Benfica (zona norte do Rio). As informações são da Agência Estado.



PARELHAS: "Em nota PT repudia matéria vinculada em Blog da região"

"O Ex prefeito Francisco já começou a incomodar, esse tipo de política rasteira a população não engole mais.

Respeitamos todos os possíveis candidatos a presidente da câmara de Parelhas, mas o nosso grupo a qual Francisco faz parte e que hoje tem a professora Gildete como presidente, só vai discutir esse assunto no final de 2018 após as eleições gerais.

Fica o nosso repúdio a matéria vinculada no Blog de Robson Pires."

Diretório Municipal do Partido dos trabalhadores

SANTANA DO SERIDÓ: "Vereador Bruno Augusto ainda não decidiu seu apoiou para deputado estadual"

O Blog  conversou ontem(30), com o vereador santanense pelo PMDB, Bruno Augusto.
Ao ser questionado sobre a sua posição visando as eleições de 2018, disse que ainda era muito cedo  para fechar questões, mas que a tendência natural era acompanhar seu grupo político na cidade.

"Apesar de achar muito cedo, a minha posição será a mesma do meu grupo, tanto para governo, senado e deputado federal, porém, para deputado estadual, ainda não tenho nada definido." Confessou Bruno.

Sempre muito atencioso, Bruno Augusto Bezerra Jota, frisou também, que  o grupo político do qual faz parte, sempre esteve e sempre seguirá unido, tomando decisões para o bem do povo de Santana do Seridó. 

ATUAÇÃO: "Nelter luta por reconstrução de pontilhões existentes na RN-086 entre Parelhas e Equador"

Buscando proporcionar mais mobilidade e segurança aos condutores que trafegam diariamente na RN-086, o deputado estadual Nelter Queiroz protocolou requerimento na Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte (ALRN) solicitando que o Departamento de Estradas de Rodagens do RN (DER/RN) reconstrua, em caráter de urgência, todos os pontilhões existentes na Rodovia, no trecho que compreende os municípios de Parelhas e Equador.
“Além de interligar duas rodovias federais importantes como a BR427, no Rio Grande do Norte e a BR-230, na Paraíba; a RN-086 é a principal rodovia de acesso aos municípios de Parelhas e Equador, e ainda ao município de Santana do Seridó, através da RN-081”, destacou Nelter.
De acordo com o parlamentar, os atuais pontilhões existentes neste trecho da Rodovia colocam em risco a vida dos condutores, pois, além de estreitos, estão com suas estruturas físicas comprometidas e correm o risco de desabar. “Esta é mais uma luta constante de nosso mandato em prol dos seridoenses junto ao DER/RN. Lutamos para que esta situação se resolva o quanto antes, fazendo com que o tráfego de veículos se torne mais seguro e nenhuma vida seja colocada em risco”.

EFEITO TEMER: "Salário mínimo terá apenas 28 reais de aumento"

O governo Temer apresentou, nesta segunda-feira, os novos parâmetros da proposta orçamentária de 2018. Segundo dados do Ministério do Planejamento, o salário mínimo, que estava fixado originalmente em R$ 969, foi reduzido em R$ 4,00, para R$ 965.
A expectativa para o Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) se manteve em 4,2% ao ano, enquanto a taxa de juros da economia (Selic) esperada para o fim de 2018 que vem caiu de 8% ao ano para 7,25%. Já a projeção para o crescimento da economia foi mantida em 2%.
Os novos parâmetros serão enviados ao Congresso numa mensagem modificativa. Ela é necessária porque o governo alterou a meta fiscal de 2018 de um déficit primário de R$ 129 bilhões para R$ 159 bilhões.

LULA: “Vamos barrar esse golpe parlamentar, que está desorganizando o país e levando o caos entre os Poderes”

O ex-presidente Lula, durante evento do PT na praça da Estação, no centro de Belo Horizonte, em Minas Gerais. Termina a caravana de Lula pelo Estado de Minas
O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) afirmou que está “perdoando os golpistas” e que é perseverante para “virar o jogo e trazer a democracia de volta”.
“Estou perdoando os golpistas que fizeram essa desgraça no país”, disse em referência a Juscelino Kubitschek, que perdoava os militares após tentativas de derrubá-lo.
Lula discursou em Belo Horizonte, onde encerrou nesta segunda (30) sua caravana por Minas Gerais. Durante oito dias, ele percorreu 20 cidades pelo interior do Estado.
Afirmando ter convicção de que é possível recuperar o país, ex-presidente voltou a defender um referendo revogatório e a democratização dos meios de comunicação.
“Se o PT não tiver alternativa, se a esquerda não tiver alternativa, eu posso voltar a ser candidato”, afirmou.
A defesa da ascensão da classe média e dos programas na área de educação pautaram o discurso do petista.
Lula também criticou as medidas do presidente Michel Temer (PMDB), afirmando que ele “praticou um aborto no futuro do país”.
Disse ainda que se houve corrupção na Petrobras, a solução não é “destruir a empresa porque quem paga é o Brasil”.
O petista voltou a atacar as denúncias de corrupção contra ele e dizer que quer um pedido de desculpas. “Eu e Marisa [Letícia, sua mulher] não nascemos para roubar.”
Presente no ato em BH, a ex-presidente Dilma Rousseff foi bastante aplaudida aos gritos de “volta, querida”.
Dilma afirmou que a Justiça está sendo usada como “forma de combate político sem fundamento”. Ela disse ser uma contradição uma “presidente correta e honesta, que não cometeu crime nenhum, ser afastada por um impeachment fraudulento” enquanto políticos “golpistas” governam.
“Vamos barrar esse golpe parlamentar comprado com dinheiro da corrupção, que está desorganizando o país e levando o caos entre os Poderes”, disse.
Blog do Primo

CORRUPÇÃO: "Dodge denuncia José Agripino por crime de corrupção passiva e lavagem de dinheiro"

A procuradora-geral da república, Raquel Dodge, defendeu junto ao Supremo Tribunal Federal (STF) o recebimento da denúncia contra o senador José Agripino Maia (DEM-RN). A acusação foi apresentada em um desdobramento da Operação Lava Jato.
A denúncia foi apresentada em setembro pelo então procurador-geral Rodrigo Janot. O senador é acusado de receber propina da empreiteira OAS em troca de favores relacionados à Arena das Dunas, em Natal, construída para a Copa do Mundo de 2014.
Segundo o Tribunal de Contas da União (TCU), o estádio foi superfaturado em R$ 77 milhões.
Agripino Maia nega as acusações, e diz que não há na denúncia qualquer indício de recebimento de propina.
Réu
Em seu parecer, Dodge pede que a denúncia seja recebida. Ou seja, ela quer que o senador se torne réu em ação penal no STF.
“A denúncia narra os fatos atribuídos ao acusado em um contexto de recebimento de vantagens indevidas, de forma oculta e disfarçada, no âmbito de complexo esquema de corrupção envolvendo diversas pessoas, divididas em núcleos especializados em determinadas tarefas”, escreveu Raquel Dodge no parecer.
A denúncia vai ser analisada pela Primeira Turma do Supremo. Se o colegiado aceitar a acusação, o senador responderá por corrupção passiva e lavagem de dinheiro.
G 1

segunda-feira, 30 de outubro de 2017

SANTANA DO SERIDÓ: "Acomapanhe ao vivo mais uma sessão do Poder Legislativo"


VEM AÍ A 37ª FESTA DOS CAMINHONEIROS!


UTILIDADE PÚBLICA: "Governo decreta ponto facultativo para a próxima sexta-feira"

Em virtude do feriado do dia de finados na próxima quinta-feira, 02, o governador Robinson Faria determinou que seja decretado ponto facultativo para os órgãos e entidades da administração direta, indireta, autárquica e fundacional no dia 03, sexta-feira.
Estão excluídas do ponto facultativo as atividades consideradas essenciais do Estado: hospitais, policiamento, Bombeiros.

É PROVÁVEL: "Ascensão de Zenaide ameaça mandato de Agripino"

No cenário que se forma para 2018, é previsível que a deputada federal Zenaide Maia (PR), que caiu nas graças do povo por se opor radicalmente ao governo Michel Temer (PMDB), conquiste uma das duas vagas no Senado.
Zenaide é o único nome com densidade suficiente para concorrer com os senadores José Agripino (DEM) e Garibaldi Filho (PMDB). Se essa tendência permanecer, os dois tradicionais parlamentares brigariam pela outra vaga. Na disputa direta entre os atuais aliados, Garibaldi leva vantagem.
Robson Pires

SUBMUNDO: "PMDB e a oligarquia Alves vão chamar Fátima de "Filha de Lula" para tentar derrota-la nas urnas"

O poderoso clã dos Alves não vai baixar a cabeça com tiroteio de denúncias de corrupção supostamente praticada pelo ex-ministro Henrique Alves. A oligarquia que manda no RN, desde a época do saudoso patriarca e ex-governador Aluizio Alves, não vai se isolar como muita gente pensa e cruzar os braços.
Os Alves preparam uma forte ofensiva para reverter essa situação que tem incomodado a família, após a prisão de Henrique Alves. Todos apostam no prefeito Carlos Eduardo, filho do saudoso Agnelo Alves, como o ‘salvador da pátria’ para derrotar o governador Robinson Faria no próximo ano.
Comenta-se nos bastidores que a ordem é não fazer aliança política com a senadora Fátima Bezerra, candidata do PT, a governadora do Estado. Para combater o PT, Aluizistas dizem que Fátima é a ‘filha de Lula’, condenado e acusado pelo Ministério Público Federal da prática de corrupção na Lava Jato.

BATENDO DE FRENTE: "Rafael Motta quer evitar mais uma maldade de Rogério Marinho"

O deputado federal Rafael Motta tem otimizado seu tempo no exercício do mandato, ele recentemente montou um verdadeiro gabinete móvel, enquanto Rafael viaja visitando os municípios que compõem sua base eleitoral, aproveita com uma equipe de assessores para estudar o relatório do deputado federal Rogério Marinho da reforma dos planos de saúde.
Rafael é membro da Comissão Especial da Câmara dos Deputados que votará o parecer de Rogério Marinho que diminui direitos dos usuários, reduz multas por descumprimentos dos planos, dificulta a reclamação dos usuários na justiça e autoriza aumentos das mensalidades para pessoas com mais de 60 anos, que hoje é proibido.
Dentro do seu carro, com assessores, Rafael montou equipamentos que conectado à Internet servem para pesquisar e levantar dados balizando seu posicionamento com relação a emedas que poderão ser apresentadas em plenário.
Rogério Marinho foi o relator da reforma trabalhista que retirou direitos dos empregados fazendo os gostos do famoso mercado, agora atendendo interesses das grandes empresas de planos de saúde articula mais um golpe na população.

POLÍTICA: "Plano A de Garibalde é repetir aliança com Agripino"

O senador Garibaldi Alves Filho disse em entrevista na imprensa de Natal que sua primeira opção de candidatura ao Governo do Estado para receber seu apoio é seu primo e prefeito de Natal Carlos Eduardo Alves.
Garibaldi Alves quer fazer aliança com Carlos Eduardo Alves e o senador José Agripino do DEM.
Essa aliança política está sendo chamada de ‘palanque Lava Jato’, pelo fato dos seus senadores serem investigados pela Polícia Federal e envolvidos nas denúncias da Operação Lava Jato.
Com seu primo Henrique Alves preso e seus senadores enrolados na Lava Jato, Carlos Eduardo Alves foi informado que subindo no ‘palanque Lava Jato’ estará sujeito a absorver toda rejeição dos senadores, diante disso, o prefeito de Natal estaria estudando uma formula de ser candidato sem a turma da Lava Jato em seu palanque.
Garibaldi sobre Carlos Eduardo disse: “Ele faz uma boa gestão, mesmo diante de tantas dificuldades e o nome dele está chegando forte ao interior”
Blog do Primo

domingo, 29 de outubro de 2017

AGENDA SEMANAL ECON: "De 30 de outubro á 04 de novembro"


IBOPE: "Lula lidera em todos os cenários para 2018"

Em qualquer cenário apresentado ao eleitor, Lula fica com o mínimo de 35% e o máximo de 36% das intenções de voto. 
Bolsonaro aparece com 15% quando enfrenta Lula. E cresce para 18% se o ex-presidente for substituído por Fernando Haddad (neste caso, está empatado com Marina Silva).
É o que mostra o Ibope em sua primeira pesquisa sobre o pleito de 2018, segundo Lauro Jardim.
Bolsonaro tem 15% quando enfrenta Lula e chega a 18%, empatado com Marina Silva, quando Fernando Haddad é o candidato do PT.
Marina, em terceiro lugar, varia de 8% e 11% em cenários com Lula.
Ciro Gomes, Geraldo Alckmin e João Doria se embolam entre 5% e 7%.
Ciro sobe até os 11% em cenário com Haddad, que atinge apenas 2%.
Na pesquisa espontânea, quando o Ibope não apresenta cartela com nomes, o resultado é:
Lula: 26% (no Nordeste tem 42%);
Bolsonaro: 9%.
Marina: 2%
Ciro, Alckmin, Dilma, Temer, Doria: 1%.

POLÍTICA: "Bolsonaro muda discurso agressivo em busca de votos da população LGBT"

Em um tom mais ameno, o pré-candidato à presidência da República Jair Bolsonaro (PSC-RJ) afirmou que se excedeu ao falar sobre a população LGBT durante entrevistas. Segundo o político, a maioria dos gay e lésbicas brasileiros vota nele.
O deputado federal disse ainda que não usaria as mesmas palavras, classificadas como “bala perdida”. A mudança no discurso faz parte de uma estratégia para amenizar a imagem de “intolerante”, criada pelos discursos contra o público LGBT, negros, indígenas e mulheres.
Bolsonaro admitiu ainda ter falado que pessoas gays deveriam apanhar em casa. Entretanto, para o parlamentar, a declaração foi dada há muito tempo e, atualmente, ele não falaria da mesma maneira.

EFEITO TEMER: "O Brasil pode voltar ao Mapa da Fome da ONU, diz economista"

O economista Francisco Menezes, coordenador do Instituto Brasileiro de Análises Sociais e Econômicas, declarou neste sábado (28) que o Brasil pode voltar ao Mapa da Fome da Organizações das Nações Unidas(ONU).
– Por que que nós fizemos a advertência de que o Brasil pode voltar ao Mapa da Fome? Primeiro lugar a crise econômica e a crise política que passa ocorrer a partir de 2016 traz efeitos muito diretos sobre a população mais pobre, principalmente, em relação ao orçamento de programas sociais que têm uma importância grande para essa população.
Para 2017, o desemprego vai se tornando em índice bastante grave e chegou até 14% a população em situação de empregabilidade. Nesse sentido, foi mais um elemento que se somou e isso tem um efeito que, sem dúvida nenhuma, existe um risco. Sobretudo a questão da fome, que está diretamente relacionada com a pobreza, ela pode se tornar muito real- concluiu.

GARIBALDE: "PMDB vai apoiar Carlos Eduardo"

O senador Garibaldi Filho em entrevista concedida a jornalista Anna Ruth Dantas, confirmou que o plano A do PMDB é apoiar o nome de Carlos Eduardo para governador do Rio Grande do Norte.
Carlos Eduardo é a nossa primeira alternativa para disputar o governo do Estado, ele apesar das dificuldades continua muito bem avaliado em Natal, seu nome já começa a chegar fortemente ao interior do Estado e nós temos que apostar em uma candidatura que reúna esses requisitos. Disse Garibaldi.




sábado, 28 de outubro de 2017

CIDADANIA: "Instituto Mais Saúde realiza grande ação beneficente neste domingo (29) em Caraúbas/RN"

Em parceria com a Prefeitura Municipal de Caraúbas, o Instituto Mais Saúde realizará neste domingo, dia 29 de outubro, mais uma grande ação beneficente.

Serão disponibilizados atendimentos médicos de forma voluntária nas especialidades de ortopedia e pediatria, além de cabeleireiros, psicólogos, odontólogos, nutricionistas, clínica médica, advogados, minicursos, farmácia básica, torneio de mini-campo, exames laboratoriais, entre outros de forma gratuita.

O Instituto Mais Saúde conta com a colaboração de voluntários e não recebe nenhuma contrapartida financeira na realização de suas atividades.

O atendimento acontecerá a partir das 08 horas na Escola Francisco de Acací Viana, na Comunidade Mariana em Caraúbas/RN. O mesmo acontecerá por ordem de chegada com limite de vagas e respeitando a Lei de Prioridade.

BLOG INFORMA: "Domingo tem música ao vivo no Recanto Verde"



POLÍTICA: "Por "trair" aliados de primeira hora Robinson segue para o isolamento político"

Eleito com uma aliança política tímida em 2014, o governador Robinson Faria (PSD) começa a sofrer o isolamento político de quem tem quase 80% de desaprovação popular.
O PT foi o primeiro a abandonar o barco e tem a pré-candidatura da senadora Fátima Bezerra à sucessão estadual. O PCdoB, do vice-governador Fábio Dantas, já não se entende com o gestor. O PP, do deputado federal Beto Rosado, não tem uma relação próxima com o governo. Os aliados estão cada vez mais distantes.
A expectativa do governador, de atrair o PSDB, parece frustrada, com o discurso oposicionista entoado pelo partido nos programas de TV que foram ao ar recentemente.
Robinson chegará em 2018 com “poucos amigos” ou “quase nenhum”. É difícil achar quem defenda o projeto de reeleição do atual governante.
Texto:Robson Pires
Título Nosso

SERÁ?: "Com nome citado por delator Carlos Eduardo poderá fazer companhia a Henrique"

Com seu nome citado na delação do empresário Fred Queiroz que está na mesa do desembargador Dilermando Mora e supostamente encalacrado  denunciada  Operação Cidade Luz, o prefeito de Natal Carlos Eduardo Alves enfrentam um processo de putrefação administrativa. Secretários não respeitam ou obedecem suas ordens, auxiliares sequer atendem suas chamadas em celulares.
Pessoas ligadas ao vereador e presidente da Câmara, Raniere Barbosa alertam para abertura do bocão do presidente afastado da presidência da Câmara.
Seguras fontes do Blog do Primo asseguram que Carlos Eduardo Alves está mais próximo a dividir à cadeia com Henrique Alves que chegar a ser governador..

ROGÉRIO MARINHO: "O queridinho dos patrões"

Menos amado pela classe trabalhadora, o deputado federal Rogério Marinho (PSDB), é o mais querido da classe empresarial, principalmente, depois da sua atuação como relator da reforma trabalhista.
Ele foi homenageado nesta sexta-feira (27) durante o Fórum Norte Nordeste da Construção, realizado no luxuoso Hotel Ocean Palace pelo Sindicato da Construção Civil do Rio Grande do Norte (Sinduscon) e pela Câmara Brasileira da Indústria da Construção (CBIC).
O anfitrião do Fórum, presidente do SINDUSCON-RN, Arnaldo Gaspar Júnior, fez uma saudação a Rogério Marinho, enfatizando a importância do seu trabalho como relator da reforma. No entanto, o tucano potiguar não tem recebido elogios e homenagens de sindicatos de empregados, mas sim dos patrões.

DELAÇÃO: "Funaro diz que entregava dinheiro vivo nas mãos de Cunha e Henrique Alves"

Em depoimento à Justiça Federal nesta sexta (27), o corretor de valores Lúcio Funaro afirmou que, em quase 15 anos de relação com Eduardo Cunha (PMDB-RJ), de 2002 a 2016, manteve encontros semanais com o ex-deputado, em um total de mais de 700, conforme seu cálculo.
Funaro disse que entregava dinheiro vivo nas mãos de Cunha e Henrique Alves (PMDB-RN) e que o presidente Michel Temer sabia do esquema de corrupção que vigorou na Caixa Econômica Federal.
O depoimento foi concedido ao juiz Vallisney de Oliveira, da 10ª Vara Federal em Brasília, onde Funaro, Cunha e Alves são réus em uma ação penal sobre um esquema de desvios do fundo de investimentos do FGTS (FI-FGTS), administrado pela Caixa.
O processo derivou da Operação Sépsis. Segundo a denúncia, empresas pagavam propina em troca de liberação de recursos do FI-FGTS.
“Entreguei [dinheiro] nas mãos dele [Henrique Alves] em um hotel em São Paulo, emprestei avião meu para funcionário dele levar dinheiro”, disse Funaro, que assinou acordo de delação premiada com a Procuradoria-Geral da República. As informações são da Folha de São Paulo.