.

segunda-feira, 13 de junho de 2016

FÁTIMA BEZERRA: "“Não foi o PT que se afastou do governo, foi o PSD que nos traiu vergonhosamente"

A senadora Fátima Bezerra (PT) concedeu uma entrevista ao Jornalista Alex Viana. Na entrevista a senadora falou sobre vários assuntos dentre eles a relação com o PSD estadual e as eleições de 2016 e 2018.
Com relação ao PSD a senadora disse o seguinte:
“Não foi o PT que se afastou, foi o PSD que nos traiu vergonhosamente. Traiu o PT no momento mais dramático, no momento da defesa de um mandato popular conquistado nas urnas, o mandato da presidenta Dilma”, esclarece a senadora Fátima, sobre rompimento do PT com o governador do RN, Robinson Faria.
Este e outros temas estão na entrevista concedida ao jornalista Alex Viana, no Agora TV.
Confira:

Quatro moradores de rua morrem em atual onda de frio em SP

Ao menos quatro moradores de rua morreram nos últimos dias durante a onda de frio em São Paulo. Segundo o padre Julio Lancellotti, da Pastoral do Povo de Rua, ligada à Igreja Católica, mais dois moradores de rua foram encontrados mortos na região de Santana, na zona norte da cidade.
Um dos corpos é de um homem que foi encontrado na rua Doutor Gabriel Piza, próximo ao metrô Santana, na última quinta-feira (9). O outro é de uma mulher que foi achado na avenida Cruzeiro do Sul, perto do Terminal Rodoviário do Tietê neste domingo (12). Eles ainda não foram identificados.
Os dois corpos foram achadas pela polícia e encaminhados para o IML (Instituto Médico Legal). O padre Julio Lancellotti lembra que não existe exame que consiga detectar a morte pelo frio e, por isso, o diagnóstico é de quadro de insuficiência respiratória aguda.
O padre Julio Lancellotti e o arcebispo de São Paulo, cardeal Odilo Pedro Scherer, manifestaram “tristeza e preocupação” com a morte dos moradores de rua. “Tudo leva a crer que a causa próxima da morte deles foi o frio”, disseram, em nota conjunta.

Vítima de assalto, músico faz apelo nas redes sociais para recuperar instrumentos

Músico do projeto Macaxeira Jazz e de outros grupos, Henrique Pacheco, foi assaltado na madrugada do último sábado (11) quando voltava de um show acompanhado de duas amigas. Dois homens, aparentemente armados, anunciaram o assalto e levaram o veículo com diversos instrumentos musicais.
Após o incidente, o músico iniciou uma busca pelo veículo pela zona Leste da cidade. O automóvel foi localizado no bairro do Alecrim com alguns arranhões, mas sem nada dentro.
Em sua rede social, Henrique Pacheco faz um apelo para que as pessoas ajudem a divulgar o incidente. Dessa forma, ele espera tentar localizar os instrumentos que foram furtados. “Muitos dos instrumentos foram comprados fora do Brasil em viagens e são difíceis de encontrar, quem puder divulgar ou souber de alguma informação já ajuda”, afirmou por meio do Facebook.

Segue a lista de instrumentos.
1 baixo Fender Jazz Bass “made in Japan” (cor azul bebê);
1 amp de baixo Hartke Kickback15;
1 interface de áudio Behringer XR18 air;
1 kit de microfones Shure PGDMK6 (6 mics);
3 microfones Shure SM58;
2 microfones Shure SM57;
1 microfone AKG c2000B;
1 iPad air2 16Gb preto;
1 iPhone 4s 16Gb preto;
1 amp de headphones Behringer HA400;
1 amp de headphones Samsom S-amp;
1 bolsa azul cheia de cabos diversos;
1 mochila “North Face” preta com cabos e extensões;
Fora os bags, cases e acessórios, que somados aos equipamentos valem mais que o carro.

Vigilante morre após ser atingido no pescoço com garrafa quebrada em Santana do Seridó/RN

O vigilante Michael Ray Medeiros de Azevedo, de 28 anos, foi assassinado na madrugada desta segunda-feira (13), na cidade de Santana do Seridó/RN. A cidade é distante 15,4 quilômetros de Parelhas/RN.
De acordo com informações apuradas pela Polícia Militar local, a vítima foi atingida por uma garrafa quebrada no pescoço. O acusado, identificado como Paulo Roberto de Melo Silva, foi preso.
Antes da consumação do crime ocorreu uma briga entre vítima e acusado que foi apartada pela Polícia Militar, mas, instantes depois, Paulo Roberto, atacou a vítima pelas costas com a garrafa quebrada.
O vigilante que trabalhava em uma empresa privada de vigilância prestando serviço na Uern em Caicó, ainda chegou a ser socorrido para o Hospital da cidade, mas, não resistiu aos ferimentos e morreu.
O acusado, preso, foi conduzido para a Delegacia de Polícia Civil de Caicó, aonde foi autuado em flagrante.

POLÍTICA: " Fim das coligações proporcionais está em análise na CCJ do Senado"

Nova iniciativa para acabar com as coligações partidárias nas eleições proporcionais pode avançar no Senado. Uma proposta de emenda constitucional (PEC 151/2015) com essa finalidade está em análise na Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania (CCJ). O texto é do senador Valdir Raupp (PMDB-RO), que contou com o apoio de 32 assinaturas de colegas.
As eleições proporcionais são usadas para a escolha de deputados federais, estaduais e vereadores. Com as coligações, o excesso de votos dados a candidato de um partido ajuda a eleger não apenas companheiros da mesma legenda, mas também filiados de outras agremiações que façam parte da aliança partidária.
Na prática, coligações que têm candidatos com força para conquistar muitos votos conseguem “puxar” outros com menor votação. Em 2010, por exemplo, o deputado federal Tiririca (PR) ajudou a levar para a Câmara dos Deputados integrantes do PT e do PCdoB de São Paulo. Sem participar de coligações, os partidos “nanicos” podem deixar de ter representação nas casas legislativas.
O Senado chegou a aprovar, em março de 2015, outra proposta – PEC 40/2011, do ex-senador José Sarney, que restringia as coligações. Porém, a matéria foi arquivada pela Câmara dos Deputados, depois de ter sido declarada prejudicada. Por fim, a Câmara excluiu o fim das coligações da reforma política que aprovou.

Ministério da Saúde confirma mais 3 mortes de adultos pelo vírus da zika

O Ministério da Saúde confirmou mais três mortes de adultos devido ao vírus da zika nesta segunda-feira (13) – totalizando 6 mortes desde o início do monitoramento. Os casos foram registrados em Minas (2 deles), Rio de Janeiro, Maranhão, Pará e Rio Grande do Norte. Os óbitos de recém-nascidos, natimortos, fetos ou abortamentos associados ao vírus, são divulgados junto aos dados de microcefalia.
De abril de 2015 até abril deste ano, o Brasil teve 127.822 casos prováveis de febre pelo vírus da zika – 7661 novos casos desde o último boletim. Deste total, 43.227 casos foram confirmados. A taxa de incidência é de 62,5 registros por 100 mil habitantes.
A região Sudeste registrou o maior número de casos prováveis do vírus da zika, com 48.027 registros e taxa de incidência de 56/100 mil habitantes; seguida pelo Nordeste, com 47.709 registros e incidência de 84,4/100 mil habitantes.

ESTRADA DA MORTE: "Seis adultos morrem e três crianças ficam gravemente feridas em colisão entre dois carros em Cajazeiras "

Uma verdadeira tragédia foi registrada na tarde deste domingo (12), por volta das 16hs00, quando dois veículos do tipo Fiat Uno se chocaram violentamente na BR-230, após o Presídio Regional do Sertão e antes do Sítio Antônio em Cajazeiras.
Seis adultos perderam a vida, três crianças ficaram gravemente feridas e foram retiradas das ferragens por populares que trafegavam pela rodovia. Uma multidão se formou às margens da BR e por solidariedade humana, o desespero tomou conta das testemunhas que observavam a demora do SAMU.
As crianças agonizavam se contorcendo de dores, o cenário era desesperador. A espera se deu por cerca de vinte minutos, para a chegada do SAMU, e ambulâncias do Corpo de Bombeiros. Logo as duas crianças foram atendidas pelos paramédicos do SAMU e oficiais bombeiros, uma outra em estado mais grave havia sido socorrida por um popular para o HRC.
Vale ressaltar que um dos carros de placas: KKL-8210 tem a inscrição da cidade de Coremas/PB e outro que caiu à ribanceira com duas vítimas fatais de placas: HWY-0912 é da cidade de Ipaumirim/CE. Informação não oficial chegada a nossa redação dá conta, que a primeira criança socorrida para o HRC, não resistiu e faleceu.
Duas pessoas já foram identificadas (Veja fotos), São elas: Mateus Eutrópio era filho do já falecido policial rodoviário federal Eutrópio. Klinsmann Maciel era filho vereador cajazeirense Eriberto Maciel.

NA CONTRA-MÃO: "Fernando Lucena desafia o PT, prestigia Robinson e rasga elogios ao governador"

O vereador Fernando Lucena (PT) continua aliado do governador Robinson Faria (PSD), com quem seu partido já decretou rompimento, faz oposição e recomendou a entrega dos cargos comissionados. 
Aliás, Lucena foi o único vereador de Natal a prestigiar o Vila Cidadã, evento promovido pelo Governo do Estado, na manhã deste sábado (11). 
O vereador não só prestigiou Robinson como rasgou elogios ao governador, que vai apoiar a pré-candidatura a prefeito de Natal do deputado estadual Jacó Jácome (PSD), presente ao evento: “Não lembro de outro governador eleito que voltou às comunidades para saber das necessidades, não lembro de trazerem eventos como esses que beneficiassem a nossa comunidade. Por isso, peço que continue assim, Robinson, trabalhando pelos últimos”. 

POLÍTICA: "PT lança pré-candidatura de Mineiro à Prefeitura de Natal"

O Partido dos Trabalhadores (PT) lançou neste sábado (11) a pré-candidatura do deputado estadual Fernando Mineiro à Prefeitura de Natal. 
O ato político ocorreu na Zona Norte de Natal, tendo também lançadas pré-candidatura são legislativo. 
Presente ao encontro, a senadora Fátima Bezerra (PT) convocou os militantes a se engajarem em torno da pré-candidatura de Mineiro. 

VEXAME: "Brasil perde para o Peru e é eliminado da Copa América Centenário."

A lista de partidas ruins e derrotas da Seleção Brasileira de futebol, cresce a cada competição disputada. A vergonha de agora é a eliminação da Copa América Centenário, nos Estados Unidos, com a derrota que ocorreu neste domingo, diante do Peru, por 1 a 0, em Boston. Pode se anotar o erro de arbitragem, que validou gol de mão da seleção peruana, mas esse fato, por si só, não justifica a derrota.
Para dar mais requintes de crueldade, o Brasil não perdia para o Peru desde 1985. Já uma eliminação em primeira fase de Copa América não acontecia desde 1987. A campanha de 2016 consegue ser pior que a de 2015, também sob o comando de Dunga, quando o Brasil caiu nos pênaltis para o Paraguai nas quartas de final. Antes de perder para o Peru, agora, o Brasil empatou com o Equador e aplicou 7 a 1 no Haiti. Tudo em vão…

ELEIÇÕES 2016: "Candidato que aparecer gastando muito nas eleições de 2016 ou queimou patrimônio, ou aceitou lobby ou roubou"

A campanha eleitoral de 2016 deve ser marcada pela penúria de recursos, graças à combinação de fatores como a crise econômica, a proibição de doações de empresas e o impacto da Operação Lava Jato. Para político e marqueteiros, a previsão de cortes drásticos de custos representa o colapso de um modelo de “mercado” que cresceu sem parar nas últimas três décadas.
Nas eleições municipais de 2012, quase 80% dos gastos foram financiados por empresas. Elas eram também responsáveis por doações significativas aos partidos em anos não eleitorais, mas essa fonte secou mesmo antes da proibição do financiamento empresarial, determinada pelo Supremo Tribunal Federal e acolhida pelo Congresso no fim do ano passado.
O PT, por exemplo, recebeu em 2015 uma única contribuição empresarial, de R$ 1 milhão – valor irrisório se comparado aos R$ 65 milhões registrados quatro anos antes.
Sem o financiamento empresarial, a “tábua de salvação” dos candidatos passou a ser o Fundo Partidário. O problema é que, mesmo “turbinado” com forte injeção de recursos públicos nos últimos dois anos, o fundo será insuficiente para bancar o nível de gastos observado nas eleições passadas.
Em 2016, as legendas receberão, somados, R$ 819 milhões em recursos públicos. Isso equivale a apenas 15% dos quase R$ 5,5 bilhões – em valores corrigidos pela inflação – que foram gastos nas campanhas de 2012. Além disso, nem todo o Fundo Partidário pode ser aplicado nas eleições, já que parte do dinheiro banca despesas permanentes e cotidianas das siglas, como aluguéis, funcionários, viagens de dirigentes e cursos de formação política, entre outros gastos.
Além do fundo, as duas únicas alternativas legais de recursos são o autofinanciamento – que tende a beneficiar os candidatos mais ricos – e as doações dos próprios eleitores.
Há quatro anos, as pessoas físicas bancaram menos de 20% dos custos das campanhas – estão incluídos na conta os recursos dos candidatos que doaram para si próprios. Com a Lava Jato e o desgaste da classe política, ampliar a arrecadação nesse segmento será um desafio para os tesoureiros.