.

quinta-feira, 26 de abril de 2018

EM PAUTA: "Congresso recebe MP que altera lei dos agentes comunitários de saúde"

O governo editou a Medida Provisória 827/18, que altera a legislação (Lei 11.350/2006) dos agentes comunitários de saúde (ACS) e dos agentes de combate às endemias (ACE). 
De acordo com a norma, será essencial e obrigatória a presença de ACS na Estratégia de Saúde da Família – macroprograma de atenção básica do Sistema Único de Saúde (SUS) – e de ACE na estrutura de vigilância epidemiológica e ambiental.
Conforme a MP, a cada dois anos os agentes de saúde frequentarão cursos de aperfeiçoamento, que será organizado e financiado, de modo tripartite, pela União, pelos estados e Distrito Federal, e pelos municípios.
 Já o transporte dos agentes até os locais de atuação será financiado pelo ente ao qual o profissional estiver vinculado.
Lucielio Henrique

Fábio Dantas propõe programa para que estudantes colaborem com gestão estadual

Pré-candidato ao Governo do Estado pelo PSB, o vice-governador Fábio Dantas voltou a utilizar seus perfis em redes sociais para tratar sobre programas capazes de melhorar serviços públicos no Rio Grande do Norte. Desta vez, Fábio explanou o “RN do Futuro”, pelo qual os estudantes vinculados ao Instituto Metrópole Digital (IMD), ao Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia (IFRN) e à Universidade Estadual (UERN) vão poder contribuir com a gestão pública estadual.
O pré-candidato explicou que, por meio do programa, alunos selecionados pelos próprios institutos e pela Universidade, das mais diversas áreas de conhecimento, vão receber bolsas visando à produção de pesquisas e projetos para a administração. Segundo ele, o objetivo da iniciativa é melhorar a gestão do Governo do Estado e os serviços públicos por ele prestados, a partir do conhecimento e do envolvimento de discentes atentos às novidades e com vontade de colaborar.
“Essa é uma ideia de custo relativamente baixo, na casa dos R$ 100 mil mensais, e que pode dar grandes contribuições à gestão pública estadual. O IMD, o IFRN e a UERN reúnem hoje cabeças pensantes capazes de apresentar soluções para problemas enfrentados pela administração e de inovar com ferramentas que melhorem serviços estatais”, explicou Fábio Dantas em sua publicação, afirmando ainda que o “RN do Futuro” tem condições de abranger estudantes do Ensino Médio das redes pública e privada de ensino.
Além dos ganhos para a administração e do estímulo aos estudantes, por meio das bolsas, Fábio ressaltou que o programa também cumpre outro papel importante: o de reduzir significativamente os gastos estaduais com consultorias, “colocando a capacidade intelectual dos jovens a serviço da gestão pública ao invés da contratação de empresas para esse fim”. A Escola de Governo, de acordo com ele, seria responsável pelo estabelecimento da ponte entre os colaboradores e às administrações direta e indireta do executivo estadual.
Rede news360



POLÍTICA: "PT lança plano Lula para as eleições de outubro"

O PT está bastante motivado de que o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva possa participar das eleições de outubro próximo. Nesta terça-feira (23), militantes chegaram a lançar em Curitiba o chamado Plano Lula – um cronograma para a construção do programa de governo do ex-presidente para as eleições de outubro.
Em um ato simbólico em frente à Superintendência da Polícia Federal, onde Lula está preso desde o dia 7, a senadora e presidenta do PT, Gleisi Hoffmann, e o coordenador do plano, Fernando Haddad, apresentaram a estrutura do programa aos acampados na Vigília Democrática pela libertação de Lula.
Haddad ressaltou que a estrutura do programa foi integralmente planejada pelo próprio presidente. “Lula deixou uma arquitetura do que pode ser o seu terceiro mandato”, declarou. “O PT não fez o melhor governo à toa. Conseguimos expressar  num plano de governo o que era o sentimento da população sobre o rumo a tomar. Isso depende de muita sensibilidade política, o que o Lula tem de sobra”, destacou. “Por isso querem impedir o Lula de seguir fazendo suas oitivas pelo Brasil”, observou.

Wllana Dantas


PRESTANDO CONTAS: "Veja no vídeo as ações do mandato popular do vereador Frank Professor nos meses de fevereiro e março"

RIGOROSAMENTE EM DIA: "Prefeito Hudson paga folha salarial nesta sexta(27)"

O prefeito de Santana do Seridó Hudson Pereira de Brito, anunciou o pagamento dos servidores da prefeitura para próxima sexta-feira(27).

Com o fechamento da folha do mês de abril, já são 16 meses da administração de Hudson Pereira com os salários rigorosamente em dia.

PARELHAS: "Humberto Gondin confirma ao Blog que vai apoiar Rafael Motta para Federal"

O vereador e presidente da Câmara, Humberto Alves Gondin(PSD), disse ao Blog que sua dobradinha para as eleições de 2018 será Nelter Queiroz(MDB) para Estadual e Rafael Mota(PSB) para Federal.

Humberto vai repetir a dobradinha de 2014, onde apoiou Nelter e Rafael, dando aos dois uma expressiva votação aqui na cidade de Parelhas.

"Nelter é meu amigo pessoal e tem ajudado muito a cidade de Parelhas e Rafael Motta, além de ajudar nossa cidade, votou contra as reformas do governo Temer, tem minha admiração, meu respeito e meu voto." Disse Gondin




ELEIÇÕES 2018: "Dr. Tiago Almeida vem ultrapassando os limites do Seridó". Diz jornal


O nome do médico ortopedista Dr. Tiago Almeida(PSDB), foi destaque no jornal AgoraRN de grande circulação no estado, como um nome que vem "ultrapassando os limites do Seridó."

O jornal destaca ainda, que nomes como o deputado federal Rogério Marinho(PSDB), Felipe Maia(DEM), Fábio Faria(PSD) e Antônio Jácome(PODEMOS), cogitam fazer dobradinha com o médico em Parelhas e na região do Seridó.

O nome de Dr. Tiago inclusive vem sendo sondado para suplente de senador ou até mesmo vice-governador.





BRASÍLIA: "Rocha Loures pede para ser absolvido e diz que não sabia de dinheiro em mala."

A defesa de Rodrigo Rocha Loures (MDB-PR), ex-deputado federal e ex-assessor especial do presidente Michel Temer, pediu à Justiça Federal de Brasília que o absolva da acusação de corrupção passiva no episódio em que ele recebeu uma mala com R$ 500 mil de um executivo da JBS. 

No pedido, os advogados de Rocha Loures (que chegou a ser preso) argumentam que ele não sabia que havia dinheiro na mala e que "muito menos" o montante seria para ele. 

A suspeita do Ministério Público e da Polícia Federal é que o dinheiro seria propina para o presidente Michel Temer, que nega a acusação

À Justiça de Brasília, a defesa de Rocha Loures argumenta que Ricardo Saud, ex-executivo da J&F e delator da Lava Jato, relatou que o ex-deputado era o "mensageiro", que tudo foi combinado com Temer e que Loures "nem sabia que esse dinheiro iria existir". 

"Ora, a própria denúncia afasta a participação do denunciado Rodrigo na possível prática do crime de corrupção, afirmando a inexistência de seu conhecimento do ilícito. A inépcia, portanto, é mais que evidente, ora como alguém pode concorrer para um crime sem saber que de crime se trata? Como pode concorrer para o crime de corrupção passiva por ter recebido dinheiro se, como afirma a denúncia, ele nem sabia que de dinheiro se tratava, e muito menos que era para ele, como diz a própria denúncia?", afirmam os advogados de Rocha Loures. 

Rocha Loures chegou a entregar a mala à PF, em 23 de maio do ano passado, mas com R$ 465 mil. Depois, no mesmo dia, o ex-deputado devolveu os R$ 35 mil que estavam faltando