.

quarta-feira, 13 de julho de 2016

ESPECIALISTAS DA SEMANA NO CENTRO INTEGRADO ECON CONFIRA:


PARELHAS: "DEM fará convenções dia 24 para homologar candidaturas"

Os DEMOCRATAS da cidade de Parelhas fará sua convenção no próximo dia 24, no Ginásio de Esportes Ovídio Dantas.
A convenção está marcada para começar, á partir das 14:00 hs e homologará as candidaturas a prefeito, vice-prefeito e vereadores. Também farão suas convenções no mesmo dia, o PR, PSD, PSDB, PP, PSB, PRB e SDD que deverão formar  coligação visando o pleito de 02 de outubro. 

BRASÍLIA: "Mulher de Eduardo Cunha inclui nome de Felipe Maia como testemunha de defesa do marido"

A mulher do deputado afastado Eduardo Cunha (PMDB-RJ), Cláudia Cruz, chamou parlamentares e dois ministros do governo interino de Michel Temer para serem testemunhas de defesa dela em processo a que responde perante o juiz Sérgio Moro na primeira instância da Justiça Federal. Advogados de Cláudia Cruz protocolaram defesa prévia no processo e pediram para que Moro rejeite a continuidade da ação.
Caso não seja esse o entendimento do juiz, a defesa quer que Cruz seja absolvida sumariamente. Em último caso, pede para que sejam ouvidas as testemunhas ao longo da instrução do processo.
Os ministros chamados são deputados federais licenciados para comandarem ministérios de Michel Temer: Maurício Quintella, ministro dos Transportes, e Bruno Araújo, ministro das Cidades.
Além deles, foram chamados seis deputados federais em exercício: Hugo Motta (PMDB-PB), Felipe Maia (DEM-RN), Carlos Marun (PMDB-MS), Jovair Arantes (PTB-GO), Gilberto Nascimento (PSC-SP), e Átila Lins (PSD-AM).
Segundo a defesa de Cláudia Cruz, a convocação dos deputados e ministros visam defendê-la da acusação de lavagem de dinheiro e transferência de recursos de suposta origem criminosa entre um trust de Eduardo Cunha e uma conta de Cláudia Cruz no exterior.
“Testemunhas que atestem a ausência de conhecimento/envolvimento da Defendente com os negócios de seu marido e a inexistência de dolo eventual ou cegueira deliberada em seu comportamento”, justifica a defesa ao listar os convocados.

Em casos de réus que convocam parlamentares e ministros como testemunhas, o juiz Sérgio Moro costuma pedir para que as defesa justifiquem a necessidade das convocações. Caso o juiz aceite os nomes, ele envia ofício a eles questionando qual a melhor data para a colheita dos depoimentos.
Cláudia Cruz ainda pediu para que sejam ouvidas em sua defesa funcionários do Banco Merril Lynch em Genebra, na Suíça, funcionários de um escritório de consultoria no Uruguai, e representantes do trust Netherton, do qual Cunha é beneficiário. O objetivo destas convocações, segundo Cláudia Cruz, é mostrar como funcionava o trust e a conta dela, para provar que não houve lavagem de dinheiro nos recursos recebidos por ela.

O ex-ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) e ex-ministro do governo Collor Francisco Rezek foi chamado junto do professor José Tadeu de Chiara, e do advogado suíço Diddier de Montmollin para esclarecer fatos relacionados à constituição da conta de Cláudia Cruz no exterior e as razões para que ela não tenha sido declarada ao Banco Central.
As demais testemunhas foram chamadas para defender Cláudia Cruz da acusação de lavar dinheiro convertendo dinheiro ilícito em aquisição de bens de luxo. Segundo a defesa, estas testemunhas poderão explicar a razão do uso dos valores gastos em cartões de crédito por conviverem com ela. Dentre os convocados está Laerte Rímoli, que chegou a ser nomeado presidente da Empresa Brasil de Comunicação (EBC) por Michel Temer, mas teve a nomeação suspensa pelo STF, que reconduziu Ricardo Melo ao cargo.

Homem é preso após tentar subornar policiais com R$ 40

A Polícia Rodoviária Federal prendeu no início da tarde desta terça-feira (12), um homem de 66 anos, por embriaguez ao volante e tentativa de suborno. 
Por volta das 11h30, uma equipe da PRF foi acionada para atender um acidente no km 170 da BR 406, em São Gonçalo do Amarante. Chegando ao local os policiais constataram a colisão entre dois veículos. 
Ao abordarem os condutores, os PRFs perceberam que um deles apresentava sinais visíveis de uso de bebida alcoólica.  Foi feito o teste em ambos e, em um deles, condutor de um Celta,  foi constatado o teor bem elevado: 1,04 mg/l de álcool por litro de ar expelido pelos pulmões. 
Diante do duplo flagrante, foi dada voz de prisão, sendo este encaminhado à Superintendência da Polícia Federal em Natal.

ELEIÇÕES 2016: "Órgãos partidários sem CNPJ vão prejudicar seus candidatos, alerta TRE/RN"

O Tribunal Regional Eleitoral do Rio Grande do Norte (TRE/RN) alerta os interessados em concorrer a cargos públicos nas eleições 2016, para que verifiquem a situação, junto à Justiça Eleitoral, dos partidos políticos ao qual estão filiados.
Segundo órgão, no estado, vários órgãos partidários municipais não possuem o Cadastro Nacional de Pessoas Jurídicas (CNPJ), ou estão com este cadastro irregular, o que pode acarretar problemas aos candidatos no pleito que se avizinha.
Ainda de acordo com o TRE, para receber doações (do Fundo Partidário ou de outra natureza) e pagar despesas inerentes ao seu funcionamento, o partido político precisa abrir uma conta corrente oficial, o que só é possível com um CNPJ regular perante a Receita Federal.
O partido também necessita ter outra conta corrente, específica para movimentação de recursos de campanha eleitoral, somente possível com um CNPJ. A conta bancária de campanhas deve ser aberta mesmo nos casos em que não houver doação de recursos aos candidatos. A única exceção a essa obrigatoriedade (da conta exclusiva para campanha eleitoral) é aplicada nos municípios onde não existe agência ou posto bancário.

OPORTUNIDADE: "UFRN de Caicó e Currais Novos vai oferecer concurso"

O Núcleo Permanente de Concursos (Comperve) da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN) divulgou, no último dia 11 de julho, os programas de estudo do concurso público para provimento de cargo técnico-administrativo em educação. Além da divulgação dos programas de estudo, foi publicada uma retificação do edital vigente. Para o concurso, são oferecidas três vagas de nível E (Superior) e 31 vagas de nível D (Médio/Técnico), destinadas aos campi Natal, Caicó, Currais Novos, Santa Cruz e Macaíba.
Há oportunidades para os cargos de analista de tecnologia da informação; médico; técnico de tecnologia da informação; técnico de laboratório/biologia; desenhista projetista; técnico em nutrição e dietética; assistente em administração e operador de câmera de cinema e TV.

SERIDÓ: "Bandidos explodem caixa eletrônico na cidade de Cruzeta"

Durante a madrugada dessa quarta-feira (13) foi registrado uma explosão a um caixa eletrônico na cidade de Cruzeta. O fato aconteceu por volta das 01:50.
Após a realização de diligências, a Polícia Militar encontrou um veículo tipo Ágile da Chevrolet abandonado,  carro no qual os meliantes utilizaram na participação da explosão.

Senado aprova oito propostas de reajuste salarial para servidores públicos

O plenário do Senado aprovou onten(12), oito propostas de reajuste salarial para servidores públicos civis e militares. Os reajustes, que seguem agora para sanção presidencial, ocorrem em meio ao déficit de R$ 170,5 bilhões estimado para este ano e a previsão de rombo nas contas públicas de R$ 139 bilhões em 2017.
Entre os contemplados estão os servidores da Câmara dos Deputados, do Tribunal de Contas da União (TCU), da Advocacia-Geral da União, da Polícia Federal, do Banco Central, dos ministérios da Educação, da Cultura e do Desenvolvimento Agrário e de ex-territórios federais. Também foi aprovado aumento para servidores de outras 40 carreiras, como as de agentes penitenciários, médicos e técnicos de hospitais públicos.

CUNHA: "Hoje sou eu, amanhã vocês!"

Em um discurso repleto de recados a parlamentares investigados pela Justiça, o ex-presidente da Câmara e deputado afastado Eduardo Cunha (PMDB-RJ) fez um apelo nesta terça-feira (12) aos integrantes da Comissão de Constituição e Justiça (CCJ).
O pedido, anunciado em tom de alerta, era para que os deputados acolhessem recurso contra a aprovação, pelo Conselho de Ética, da cassação do mandato do peemedebista, sob risco de eles próprios serem prejudicados no futuro. A sessão foi encerrada sem que o recurso fosse votado, e a retomada da discussão foi marcada para esta quarta-feira às 9h.
No recurso apresentado à CCJ, Cunha questiona diversos pontos que considera erros de procedimento na tramitação do processo que o investigou no Conselho de Ética. Ele responde por, supostamente, ter ocultado contas bancárias no exterior e ter mentido sobre a existência delas em depoimento à CPI da Petrobras.
Ao se defender nesta terça, Cunha argumentou que diversos procedimentos adotados pelo Conselho de Ética feriram as regras do regimento da Câmara, o que poderia abrir um “precedente perigoso”. “Hoje, sou eu. É o efeito Orloff: Vocês, amanhã”, disse em referência ao slogan de uma propaganda de vodka na década de 1980, que dizia: “Efeito Orloff: Eu sou vocês amanhã”.

LULA: "Derrotar o impeachment hoje é mais fácil do que antes"

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) afirmou, durante entrevista a uma rádio em Petrolina (PE) nesta terça-feira (12), que o momento atual está “mais fácil” para derrubar o processo de impeachment da presidente afastada Dilma Rousseff no Congresso. Segundo cálculos do petista, o resultado do processo está nas mãos de seis senadores.
“Hoje derrotar o impeachment é mais fácil do que antes”, disse Lula à “Rádio Jornal”. “Antes você tinha uma Câmara incontrolável. Agora Dilma está dependendo de seis votos, são seis senadores que podem mudar o destino do país, devolvendo a Dilma o mandato popular que o povo deu a ela e, portanto, somente o povo poderia tirá-la”.
Um dia antes, na passagem por Juazeiro (BA), Lula aproveitou para criticar o presidente interino, Michel Temer. Segundo o petista, Temer privatiza “porque não sabe governar”.
Na ocasião, ele também jogou a culpa da crise política para o deputado Eduardo Cunha (PMDB), que deve enfrentar um processo de cassação. Ele afirmou que “a coisa desandou” desde o ano passado principalmente “porque elegeram um cidadão como presidente da Câmara que se utilizou do cargo para atrapalhar Dilma a governar este país”. Pela noite, durante ato em Petrolina, o ex-presidente fez críticas ao Legislativo, dizendo que o Congresso Nacional “assaltou” o poder da presidente afastada.