.

sexta-feira, 23 de fevereiro de 2018

SANTANA DO SERIDÓ: "Patrícia Medeiros é destaque á frente da Secretaria da Educação"

O trabalho realizado pela Secretária de Educação de Santana do Seridó, Patrícia Medeiros, tem repercutido a  nível estadual.

Durante reuniões realizadas com foco na educação em todo o Seridó, o nome da Secretária é citado com exemplo de uma educação, que está dando certo no município.

Patrícia Medeiros, foi vereadora e presidente da Câmara Municipal e com a vitória do prefeito Hudson em 2016, foi convidada para comandar a pasta.

Segundo pessoas com acesso a educação no estado, a escolha de Patrícia foi um grande acerto de Hudson Pereira.






PARELHAS: "Vereador João Grandão anuncia ida para o AVANTE"

Aliado de primeira hora do médico e pré-candidato a deputado estadual Dr. Tiago Almeida, o vereador João Dantas Filho, disse ontem(22) ao Blog, que vai assinar ficha de filiação no AVANTE, antigo PT do B.

João, que ainda é filiado ao PP(Partido Progressista), deverá pedir desfiliação nos próximos dias e seguir a orientação de Dr. Tiago, ingressando na sigla que acolherá o médico.

"Vou sair do PP e vou para o AVANTE, o mesmo partido de Dr. Tiago". Disse João


OUTRO CORRUPTO: "Substituto de Cristiane Brasil no Ministério do Trabalho é réu na Justiça por “gato” de energia"

Após toda a polêmica envolvendo a indicação da deputada Cristiane Brasil (PTB-RJ), condenada a pagar uma dívida trabalhista de R$ 60,4 mil a um ex-funcionário, para o comando do Ministério do Trabalho, chegou a vez do seu substituto, o ministro interino Helton Yomura, passar pelo escrutínio público. 
Segundo reportagem veiculada pela Globonews, ele também é réu na Justiça do Rio de Janeiro, respondendo a uma ação do Ministério Público que investiga o furto de energia elétrica pela empresa Fimatec Equipamentos, da qual Yomura é sócio.
O processo, de 2014, apura uma ligação clandestina de energia feita pela empresa em seu galpão, na zona norte do Rio de Janeiro. 
O “gato”, segundo a denúncia, foi encontrado por funcionários da Light, concessionária de energia elétrica da cidade, que chamaram as autoridades. Segundo eles, os medidores de consumo do local não estavam mais lá, não havendo, portanto, registro dos gastos da empresa com eletricidade.
Congresso em Foco

HÓ GLÓRIA!: "Muita chuva na "cabeceira" da Barragem Boqueirão em Parelhas"


Através das redes sociais, internautas informam que nas comunidades rurais que ficam por detrás da serra da Barragem Boqueirão choveu, e muito.

De acordo com relatos extra-oficiais, no Povoado Barra o pluviômetro marcou 90mm de chuvas e que o rio que deságua na Barragem está de "barreira a barreira"

A foto a cima, mostra a chegada  das águas, na passagem molhada da zona rural de Parelhas


PARELHAS: "Dia 24 de março tem MMA no Ovídio Dantas"


Parelhas se prepara para viver o maior evento MMA do Seridó, com lutas femininas, infantis e é claro as lutas principais.

Serão 11 combates eletrizantes, de fazer tremer o chão.

Participe do 5º PFC Parelhas que acontecerá no dia 24 de março, á partir das 20hs(oito da noite), no Ginásio de Esportes Ovídio Dantas(Ovidão).

Você não pode ficar de fora!

Informações: 84 9 9835-1594

MUNDO: "Filme sobre bastidores do impeachment de Dilma Rousseff é aplaudido em Berlim"

Precedida por um protesto em apoio a Lula e Dilma Rousseff, realizado por brasileiros moradores de Berlim, a exibição de “O processo”, de Maria Augusta Ramos, no Festival de Berlim, foi recebida com reações apaixonadas e aplausos ao fim do filme, nesta quarta-feira.
A sessão estava lotada, com boa parte da plateia formada por brasileiros, inclusive cineastas que também estão com filmes selecionados no festival, como Karim Aïnouz e Luiz Bolognesi. Além dos aplausos, houve gritos de “Fora Temer” e “Fica Dilma”.
No documentário, a cineasta acompanha bastidores da movimentação política que levou ao impeachment da ex-presidente, entre abril e agosto de 2016.
Ao longo de pouco mais de duas horas de projeção, a diretora de “Justiça”, “Juízo” e “Morro dos prazeres”, percorre os corredores e gabinetes da Câmara e do Senado federais colada nos protagonistas do histórico processo – com mais desenvoltura pelos gabinetes dos deputados e senadores do PT, responsáveis pela defesa da ex-presidente.
– O lado da acusação me negou acesso a eles – contou Maria Augusta, aplaudida de pé após a projeção, coroada com gritos de “Fora Temer!” e “Volta, Dilma!”. – Foquei mais no ritual processo do afastamento em si, do que na Dilma. Já fiz uma trilogia sobre o sistema judicial brasileiro. Então sempre estive interessada no funcionamento do sistema e no teatro da Justiça, e nesse caso do iimpeachment, no teatro da justiça na política e, através desse teatro, tentar refletir um pouco sobre o que acontece na nossa sociedade.
O documentário de Maria Augusta mostra como a equipe que defendeu Dilma, acusada de maquiar as contas públicas, preparou sua estratégia e lutou até o final, apesar de estar cada vez mais consciente de que a destituição, apoiada pela oposição, seria inevitável.
Sem voz em “off” nem entrevistas, o documentário de mais de duas horas de duração mostra, além disso, as conversas de corredor, os encontros de dirigentes políticos, assim como os momentos de tensão nos bastidores e nas ruas, sintoma do clima de polarização que tomou conta dos brasileiros.
Artífices da defesa ante a comissão especial que conduziu o processo de impeachment, o advogado José Eduardo Cardozo e a senadora Gleisi Hoffmann, que é a atual presidente do PT, se transformam, assim, em protagonistas de um documentário em que Dilma é onipresente, mesmo que seja apenas mostrada falando à imprensa ou fazendo pronunciamentos.
“Faço filmes para entender a realidade”, afirmou Maria Augusta à AFP. “O que estava acontecendo no Brasil me preocupava muito.”
Maria Augusta explica que a defesa de Dilma concedeu um amplo acesso ao processo. “Conheciam meu trabalho e confiavam em mim. Houve poucas exceções por parte de alguns senadores que optaram por deixar uma reunião quando eu entrava com a câmara”, explica a cineasta, enfatizando que a oposição preferia não se deixar filmar.
Ela assegura, no entanto, que a todo momento pôde trabalhar com independência total.
No ano passado, também em Berlim, vários cineastas brasileiros alertaram para a suposta ameaça que representava para a cultura o governo de Michel Temer, que, como vice de Dilma, assumiu a presidência.
Cerca de 300 personalidades do audiovisual brasileiro pediram, em uma declaração, o apoio dos representantes do cinema internacional, da mesma forma que, meses antes, a equipe do filme “Aquarius”, dirigido por Kleber Mendonça Filho, havia denunciado no tapete vermelho do Festival de Cannes o que consideravam um golpe de Estado.

AgoraRN

VIROU MODA: "Querem cassar o prefeito de Caicó"

A Câmara Municipal de Caicó aprovou, na noite desta quarta-feira (21), o recebimento de denúncia do caicoense Wagner Felipe Costa, que pede a possível cassação do prefeito Batata.
O pedido do popular foi protocolado na Casa Legislativa alegando o resultado de um relatório produzido por uma CEI apontando o pagamento da energia dos permissionários pela Prefeitura.
Coincidentemente, a denúncia foi votada no mesmo dia em que foi protocolada pelo popular e aceita pelo grupo de vereadores que deseja antecipar a eleição da mesa diretora do legislativo caicoense.
Os vereadores que votaram pelo recebimento da denúncia: o presidente Odair (PSDC), Alisson Jackson (PROS), Andinho Duarte (PRP), Diogo Silva (PP), Erinaldo Lino (PP), José Alexandre (PRP), Ivonete Dantas (MDB), Mara Costa (PROS), Rosângela Maria (PR), Zaqueu Fernandes (PHS).
Os vereadores que votaram contra o recebimento da denúncia: José Rangel (PDT), Ivanildo do Hospital (PROS), Júlio Gregório (MDB), Lobão Filho (MDB) e Maria Cleide (PP).
Do Blog: "Em Caicó, se comenta que a denúncia contra o prefeito não tem fundamentação jurídica e sim política".

Heitor Gregório




CONVITE FEITO: "Cúpula do PSB oficializa convite a Fábio Dantas"

De Brasília, onde se reuniu com dirigentes comunistas, o vice-governador Fábio Dantas (PCdoB) viajou para São Paulo.
No Palácio dos Bandeirantes, Fábio Dantas e Theodorico Neto foram recebidos em audiência pelo vice-governador paulista, Márcio França, no Palácio dos Bandeirantes, que estava na companhia do presidente nacional do PSB, Carlos Siqueira, do deputado federal Rafael Motta e do estadual Ricardo Motta.
Foi feito o convite oficial para Fábio Dantas ingressar no PSB.
Em seguida, Fábio Dantas já participou da reunião da cúpula nacional socialista com os deputados federais e senadores do partido, já para discutir os rumos do futuro governo de Márcio França, que assumirá com a renúncia do governador Geraldo Alckmin (PSDB), para disputar a Presidência da República.

Heitor Gregório