.

terça-feira, 20 de outubro de 2015

PARELHAS: "Perguntar não ofende"...

Em recente entrevista a radialista Joelma de Souza o ex vereador Humberto Gondin, disse que não votaria em um candidato do PT, por causa da corrupção e que por esse motivo não queria está no mesmo palanque do PT em 2016.
Mas, com todo o respeito que tenho a pessoa do ex vereador Humberto Gondin, eu gostaria que o mesmo apontasse algum filiado ao PT de Parelhas envolvido em corrupção, desde o Prefeito "que aliás é considerado o melhor prefeito da história de Parelhas" até o mais humilde filiado.
Como perguntar não ofende, será que o ex vereador vai está no mesmo palanque de José Agripino Maia, que foi denunciado por ter recebido PROPINAS, na construção do Arena das Dunas? Ou isso não é corrupção?

Do Blog: Que fique bem claro o meu respeito pela pessoa de Humberto Gondin, não tenho absolutamente nada contra o mesmo, mas a corrupção não é propriedade exclusiva do PT, e ele mais do que ninguém sabe muito bem disso.

CONIVENTES: "Nenhum deputado do RN assinou representação pedindo a cassação de Cunha"

O jornal Diário de Pernambuco publicou nessa quinta-feira, a lista dos deputados federais que assinaram o pedido de cassação do presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha (PMDB).
O pedido, elaborado pelo PSOL e Rede, se baseia nas denúncias de corrupção envolvendo o presidente da Câmara dos Deputados, incluindo o fato de ele possuir contas secretas na Suíça e ser suspeito de desviar dinheiro da Petrobrás.
O Ministério Público da Suíça investiga o parlamentar por suspeita de lavagem de dinheiro. Ele também teve denúncia apresentada pela Procuradoria Geral da União no STF contra ele por suspeitas de participar no ‘petrolão’, esquema de corrupção que desviou dinheiro da Petrobrás.
Defensores de Eduardo Cunha alegam que não há provas suficientes para o pedido de cassação dele como presidente da câmara.
Na lista dos deputados divulgado pelo jornal pernambucano não há nenhum da bancada federal do Rio Grande do Norte, composta pelos oito parlamentares abaixo.
  • Walter Alves (PMDB)
  • Rafael Motta (Pros)
  • Zenaide Maia (PR)
  • Felipe Maia (DEM)
  • Rogério Marinho (PSDB)
  • Antônio Jácome (PMN)
  • Fábio Faria (PSD)
  • Betinho Rosado Segundo (PP)

CORRENTES: "Entrega dos cargos que Fátima Bezerra ocupava no governo foi um recado para dentro do PT"

A insatisfação vivenciada pelo grupo da senadora Fátima Bezerra só pode ser entendido, se as entrelinhas forem levadas em consideração. Os representantes do seu grupo alegaram que entregaram a pasta da Cultura, através de Rodrigo Bico.
Mas esse não é o elemento fundamental. A pergunta que deve ser feita é: das seis secretarias, espaço ímpar do Partido dos Trabalhadores numa administração estadual, Fátima Bezerra só indicou apenas um membro de primeiro escalão? Com sua movimentação e entrega dos cargos, a senadora externou uma repartição desigual que só pode ser resolvida dentro da agremiação.
O descontentamento é, sobretudo, interno. Fátima é a principal liderança do partido no Rio Grande do Norte. No entanto, ficou a mercê da maioria que Mineiro tem na burocracia interna do PT. Do ponto de vista do controle de orçamento o desequilíbrio é ainda mais gritante.
O que acontece, nesse sentido, é o seguinte: Fátima Bezerra avaliza a aliança com o PSD, mas Mineiro e outras correntes menores da agremiação se apossam dos espaços da gestão e a senadora fica só com a Cultura. Além de possíveis queixas, foi o efetivamente evidenciado.

MOMENTO CRÍTICO: "Seca deixa 150 mil pessoas sem água no Sertão da Paraíba"

“Estamos vivendo um clamor nunca visto antes no Sertão paraibano”. A frase é do padre Djacy Brasileiro e reflete o sentimento de cerca de 148.759 paraibanos que vivem em municípios do Vale do Piancó, que estão ficando sem água para o consumo. A situação é critica e pode fazer com que parte dessas pessoas abandone o Sertão em busca da sobrevivência.
 
A falta de água atinge os municípios de Aguiar; Boa Ventura; Conceição; Coremas; Curral Velho; Diamante; Ibiara; Igaracy; Itaporanga; Nova Olinda; Olho d’Água; Pedra Branca; Piancó; Santa Inês; Santana de Mangueira; Santana dos Garrotes; São José de Caiana; e Serra Grande. Segundo padre Djacy, alguns açudes estão secos e até os mananciais onde é coletada a água para abastecer os carros pipa passam por dificuldades.
 
“As águas estão baixando de forma rápida. Açudes em Itaporanga, Boa Ventura, Pedra Branca estão praticamente secos. Até Coremas está secando. É uma situação crítica, grave e degradante. O que salva a população da Zona Rural são os carros pipa, mas nem estes estão tendo mais onde abastecer”, afirmou o padre. A situação tem feito com que parte da população procure o padre para desabafar, dando indícios de um abandono dos lares no Sertão em busca de água e sobrevivência em cidades maiores.

LAVA-JATO: "Relatório da CPI da Petrobras isenta Lula, Dilma, Graça e Gabrielli"

O relatório final da CPI da Petrobras afirma que a estatal foi vítima de um cartel de empreiteiras, “com a cumplicidade de alguns maus funcionários”, e que houve “motivações de natureza pessoal” nos crimes cometidos. O texto do deputado Luiz Sérgio (PT-RJ) faz críticas à Operação Lava Jato, não cita pedidos de indiciamento e afirma que “não há menção sobre o envolvimento dos ex-presidentes da Petrobras José Sérgio Gabrielli e Graça Foster ou de ex-conselheiros da estatal, como a presidente Dilma Rousseff”, nem do ex-presidente Lula.
 
Luiz Sérgio questiona a afirmação de houve “corrupção institucionalizada” na Petrobras e o “excesso de delações premiadas” homologadas pela Justiça – em especial a delação premiada de um dos principais colaboradores da Operação Lava Jato, Alberto Youssef, que, segundo o relator, quebrou delação anterior ao descumprir o compromisso de abandonar o mercado de câmbio.
“Esse doleiro, velho conhecido da Justiça, havia sido flagrado anos atrás no caso Banestado, quando fez o seu primeiro acordo de delação premiada, homologado pelo próprio juiz Sérgio Moro. Nesse acordo, Youssef se comprometeu a deixar a vida criminosa, mas não fez isso”, argumentou Luiz Sérgio.

ROMPIMENTO: "Cargos de Fátima Bezerra no Governo Robinson são colocados a disposição"

A senadora Fátima Bezerra decidiu entregar os cargos de diretor-geral e adjunto que indicou para a Fundação José Augusto. Na direção-geral estava Rodrigo Bico e Laissa Costa como adjunta. A decisão foi tomada porque o grupo da senadora está insatisfeito por não ter plena autonomia para executar os projetos na Fundação José Augusto.
O assessor da senadora Fátima Bezerra e suplente de deputado federal, Adriano Gadelha, confirmou a entrega dos cargos. Ele disse que as vagas estão à disposição do diretório estadual Partido dos Trabalhadores que agora vai decidir o encaminhamento. Segundo Adriano, a entrega dos cargos não significa o rompimento político do PT com o PSD no Rio Grande do Norte. Também não implica na saída do partido, nem da senadora da base aliada. Ele afirma houve uma série de insatisfação que se acumularam, por isso foi tomada essa decisão.

UTILIDADE PÚBLICA: "Candidato deve ficar atento aos horários de provas do Enem"

No sábado (24) e domingo (25), estudantes de todo o país farão as provas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). Para não perder o Enem, os candidatos devem ficar atentos aos horários do exame.
Em todos os estados, os portões de acesso serão abertos às 12h (horário oficial de Brasília) e fecham uma hora depois, às 13h, quando não será mais permitida a entrada nos locais de prova.
É importante que o candidato fique atento às diferenças de fuso horário do seu estado com relação a Brasília e não se esqueça que a partir de hoje (18), a capital federal e cidades de outros dez estados passarão a adotar o horário de verão, adiantando os relógios em uma hora. Assim, a diferença para os estados que não participam do horário de verão fica alterada.