.

quinta-feira, 30 de abril de 2015

O QUE SIGNIFICA A EXPRESSÃO: "BODE EXPIATÓRIO?"

O Bode Expiatório é aquele que leva sobre se, toda culpa de alguma coisa ter dado errado.
Quando não temos coragem de punir os verdadeiros culpados, pegamos alguém como o "Bode Expiatório."
É alguém que leva sobre si as culpas alheias, sendo o único banido do meio dos outros para não "comprometer" o rebanho.
É a expressão popular que define o indivíduo que não consegue provar sua inocência, mesmo sem ser o responsável direto pelo desastre.
Usar alguém como Bode Expiatório é transferir, responsabilidades, para essa pessoa, com o intuito de tentar resolver o problema criado. 

PT PRECISA ENCARAR OS ERROS

Governo precisa falar a verdade, ser transparente. O PT tem histórico de mudança efetiva na vida do trabalhador brasileiro. Os números lhe são favoráveis. A vida da maioria após o PT no Governo mudou para melhor. Há erros? Claro que sim. O maior é o partido não admitir seus próprios erros e tratar seus corruptos como heróis. A hipocrisia e a desfaçatez tomaram o lugar da verdade e da transparência.
E tenho dito...

Fátima solicita liberação de recursos para as obras hídricas no RN

A senadora Fátima Bezerra participou, nesta quarta-feira (29), de uma audiência com o com o diretor-geral do Departamento Nacional de Obras contra as Secas (Dnocs), Walter Gomes de Souza, para solicitar a liberação de recursos para a obra da adutora de engate rápido de Currais Novos e Acari, orçada no valor de  R$ 33,9 milhões. A adutora captará água da barragem Armando Ribeiro Gonçalves para os dois municípios.
Fátima também solicitou a liberação de recursos para continuação da obra da barragem de oiticica e das adutoras de Pau dos Ferros e Carnaúba dos Dantas, além do início da construção da adutora de Currais Novos. “Queremos que o Governo assegure a liberação dos recursos para que essas obras sejam viabilizadas por tudo que significa para o estado”, disse Fátima.
Na reunião, Fátima adiantou que, solicitou uma nova reunião com o ministro da Integração Nacional, Gilberto Occhi,  para tratar da liberação dos recursos, prevista para ocorrer na próxima semana. Participaram da reunião os deputados Betinho Rosado, Zenaide Maia, Wander Alves, Felipe Maia e os senadores José Agripino e Garibaldi Alves Filho. O ministro do Turismo, Henrique Eduardo Alves, também esteve presente no encontro. 

NINGUÉM ESCAPA: "Equipe de afiliada da Globo é assaltada durante reportagem ao vivo'

Na tarde desta terça-feira, 28, a violência contra jornalistas ganhou mais um capítulo. Ao sair para fazer reportagem sobre dengue, uma equipe da TV Tribuna, afiliada da Globo na Baixada Santista e no Vale do Ribeira, foi assaltada.
No momento do crime, a jornalista Tatyana Jorge (foto: Reprodução/Globo) estava ao vivo no Guarujá (SP) entrevistando o diretor de vigilância em saúde da cidade, Marco Antônio Chagas. As imagens revelam o momento em que um homem de bicicleta chega e aborda os profissionais. Na ocasião, o criminoso exigiu os pertences das vítimas e derrubou a câmera do cinegrafista Alfredo Neto. “Abaixa, abaixa. Dá a pulseira, filho da p***”, disse o bandido.
Após rápida ação, o homem fugiu com aparelhos de celulares, relógios e correntes de ouro da equipe e do entrevistado. De acordo com informações do G1, o responsável pelo crime ainda não foi identificado. Em nota, a Regional de Santos, Baixada Santista e Vale do Ribeira do Sindicato dos Jornalistas Profissionais no Estado de São Paulo lamentou o ocorrido.

PARANÁ: "Protesto em Curitiba termina com 170 manifestantes e 20 policiais feridos"

Pelo menos 170 manifestantes ficaram feridos no confronto entre manifestantes, na maioria professores, e policiais militares em Curitiba na tarde de ontem (29) em frente à Assembleia Legislativa do Paraná, no Centro Cívico.
Eles receberam os primeiros socorros no prédio da prefeitura da cidade e na sede do Tribunal de Justiça, que ficam nas proximidades do local. Desses, pelo menos 45 foram levados para unidades de Pronto-Atendimento (UPAs) e hospitais da região.
Segundo a Secretaria de Segurança Pública do Paraná, 20 policiais ficaram feridos. Os professores, em greve desde segunda-feira (27), protestavam contra um projeto de lei que altera a Previdência estadual.  O projeto foi aprovado no início da noite, em segundo turno, pela Assembleia Legislativa.