.

quinta-feira, 22 de janeiro de 2015

POLÍTICA: "TUDO EMBOLADO PARA 2016"

E...sobre os bastidores da política parelhense, o meu cãozinho Luck acaba de me informar que a desistência de Dr, Tiago pela disputa da cadeira de prefeito em 2016 teria sido motivada pela conversa que o mesmo teve alguns dias atrás com outro "Doutor".
Segundo informações o Médico Dr.Tiago, teria sido convidado a se filiar ao PMDB e ser candidato como o apoio dos bacuraus.
Não se sabe até que ponto pode ser verdade, mas  na política, tudo pode acontecer. Lembram de 2008, onde o atual prefeito era adversário ferrenho do PMDB e como num "passe de mágica", passou de adversário a aliado?
É meus amigos, a política é muito dinâmica, quem hoje lhe vaia, amanhã pode lhe aplaudir.
Mas como perguntar não ofende: Como ficaria o PT diante de tudo isso, indicaria um vice e continuaria sob as ordens do PMDB? Comporia uma chapa com a oposição? Ou arriscaria uma "carreira solo"?

PARELHAS: "Reforma Administrativa será feita ao modo do gestor"

Uma fonte de extrema segurança, me informou ontem que o Prefeito Francisco Medeiros, vai fazer a tão esperada Reforma Administrativa... mas ao seu modo.
"Não aceitarei pressão de ninguém, vou fazer as mudanças ao meu modo, e as que eu julgar necessário". Teria dito o prefeito em certo momento.
De acordo com a fonte, alguns secretários não irão continuar á frente de suas referidas pastas, os nomes não me foram revelados e estão guardados a sete chaves, como também os nomes de seus substitutos.

LIMPANDO O TACHO: "Se despedindo da Câmara Federal, João Maia gasta R$ 120 mil de cota indenizatória"

O mês de dezembro foi “light” para muitos deputados federais, sobretudo, aqueles que não conseguiram renovar seus mandatos na Câmara Federal, em Brasília. João Maia, do PR, foi um exemplo. Esteve presente em apenas uma sessão plenária no último mês do ano. Contudo, nem por isso o ex-candidato a vice-governador de Henrique Eduardo Alves (PMDB), economizou recursos da cota indenizatória. Pelo contrário. João Maia bateu recorde e, só em dezembro, utilizou mais de R$ 123 mil do valor indenizatório disponibilizado pela Câmara Federal.
Geralmente, os deputados que mais utilizam a cota indenizatória da Câmara Federal somam, com ela, um valor quase que igual aos seus salários – ou um pouco superiores. Ou seja: recebem R$ 27 mil e gastam, da cota, cerca de R$ 30 mil mensais. Em dezembro, quase todos os deputados da bancada potiguar na Câmara Federal gastaram menos de R$ 20 mil da cota indenizatória. Betinho Rosado (PP) e João Maia (PR) foram exceções. Betinho, porém, gastou “apenas” R$ 37,6 mil.
João Maia, gastou o maior montante utilizado por um deputado potiguar na Câmara Federal em 2014. E detalhe que quase R$ 80 mil desse valor foi só para propaganda. Alias: “divulgação da atividade parlamentar”, como é identificado o gasto na lista de despesas da cota indenizatória.
É importante lembrar que, em dezembro, João Maia participou de apenas uma das sete sessões plenárias realizadas na Casa Legislativa – durante o ano, o deputado do PR esteve ausente em 21 das 82 sessões, ou seja, mais de 25% de ausências “justificadas”. Candidato a vice-governador do RN na chapa encabeçada por Henrique Eduardo Alves, João Maia foi derrotado pela parceria Robinson Faria (PSD) e Fábio Dantas (PC do B). Pelo menos, ele conseguiu eleger a irmã, a médica Zenaide Maia, também do PR, para substituí-lo na Câmara Federal. Ela assume o cargo em fevereiro.

BACURAU DE MALAS PRONTAS PARA BATER ASAS...

É tratado com muito segredo, Um convite feito pelo governador Robinson Faria, ao deputado estadual Álvaro Dias.
Que convite seria esse?
Uma fonte de forte influencia e amizade com o parlamentar caicoense, nos confidenciou que o governador do RN, fez o convite para Álvaro Dias, assumir o PL (Partido que será criado), na região do Seridó. De quebra, Álvaro Dias não só teria o comando do partido, como daria um passo enorme para ser eleito presidente da Assembleia Legislativa.
A pesar de nada ser ainda oficial, Álvaro já teria consultado algumas pessoas da sua base e da sua confiança, e recebeu o aval de todos com quem conversou, para aceitar o convite.
Detalhe:
A demora em dar uma resposta definitiva por parte de Álvaro Dias, está dando tempo para que alguns parlamentares montem estratégias, para chegar à presidência da AL.

FAVORES PARA ACOMODAR ALIADOS...

Informação Chegada ao Blog do Marcos Dantas é de que o ainda deputado Henrique Eduardo Alves (PMDB) tem tentado salvar alguns amigos e assessores mais chegados.
 
Henrique tem pedido espaços nos gabinetes dos primos, senador Garibaldi Filho e do deputado federal Walter Alves, para acomodar alguns dos seus no Senado e na Câmara Federal. O problema é que, com isso, Henrique tira de Garibaldi e de Walter pessoas que estão com eles há alguns anos. Tem clima ruim nos bastidores.

PARELHAS: "Segundo enquete 83% dos internautas não querem rompimento"

O Blog encerrou na última terça-feira, a enquete que perguntou se a aliança entre PT/PMDB, deveria continuar.
O número dos internautas que dizeram que sim foi de 83%, mostrando que pelo menos nesta enquete, estão satisfeitos com a aliança feita desde 2008.
Mais uma vez o Blog agradece a participação de todos e já antecipa que irá lançar em breve uma nova enquete.

TERMINA HOJE O PRAZO PARA INSCRIÇÕES NO SISU

Esta quinta (22) é o último dia para se inscrever no Sistema de Seleção Unificada (Sisu). Os estudantes que fizeram o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) em 2014 e não tiraram 0 na redação podem se candidatar a vagas no ensino superior público na página do Sisu até as 23h59. As notas de corte podem ser consultadas no sistema. Elas não garantem a vaga ao candidato, são apenas uma referência.
 
Segundo o último balanço do Ministério da Educação, até a noite de ontem, 2,3 milhões fizeram a inscrição. A recomendação é que os interessados não deixem para a última hora. Em 2014, cerca de 6,2 milhões fizeram o Enem.
 
Nesta primeira edição de 2015, o Sisu oferece 205.514 vagas, em 5.631 cursos de 128 instituições públicas de educação superior. O resultado será divulgado no dia 26. Os candidatos que não forem selecionados poderão ainda participar da lista de espera, de 26 de janeiro a 6 de fevereiro.