.

sexta-feira, 30 de junho de 2017

PARELHAS: "Delegacia Civil continua na cidade"

Na manhã desta sexta-feira (30), a delegada-geral adjunta da Polícia Civil, delegada Adriana Shirley, o diretor da Diretoria de Polícia Civil do Interior (DPCIN), delegado Lenivaldo Pimentel e o diretor administrativo da Polícia Civil, delegado Herlânio Cruz, reuniram-se com o prefeito de Parelhas, Alexandre Petronilo.
Na reunião ficou estabelecido que a Delegacia Municipal de Polícia Civil de Parelhas continuará a funcionar na cidade. Além disto, a unidade policial será realocada para um novo prédio, pertencente ao Estado.

POLÍTICA: "Mais uma ação da vereadora Galega de Ulissinho"


A Vereadora Zenilda Salústio, em parceria com a Secretaria de Saúde do município de Parelhas e o Sindicato dos Trabalhadores Rurais, articulou a vinda do Programa de Prevenção do Câncer Bucal.

Esse Programa avalia o tecido bucal dos pacientes para diagnóstico precoce do câncer.
Essa ação da Vereadora Galega, foi voltada para todos os agricultores do município, haja vista que os mesmo estão expostos de forma contínua com o sol o que é um fator de risco.


ELEIÇÕES 2018: "Chapa com Fátima Bezerra Carlos Eduardo e Zenaide Maia vem sendo articulada nos bastidores"

A liderança do ex-presidente Luís Inácio Lula da Silva (PT) na última pesquisa Datafolha que sondou as intenções de voto para a Presidência da República aumentou as chances de consolidação de uma chapa que vem sendo articulada nos bastidores da cena política potiguar para concorrer ao Governo do Estado e às duas vagas para o Senado em 2018. As conversas estão adiantadas ao ponto de a composição de vice e suplentes já estar sendo costurada.
Segundo informações obtidas pela reportagem do Portal Agora RN/Agora Jornal, os diálogos apontam para a candidatura da senadora Fátima Bezerra (PT) ao Governo do Estado.
Rompida com o governador Robinson Faria (PSD) desde abril do ano passado, a petista tem a seu favor o fato de ter o mandato de senadora válido até 2022. Ou seja, se postular ao cargo de chefe do Executivo estadual não lhe ofereceria riscos. Em caso de derrota, Fátima voltaria para o exercício do cargo no Congresso Nacional.
Além disso, por ser filiada histórica do PT, Fátima iniciaria a campanha beneficiada com o capital eleitoral de uma eventual candidatura de Lula, não obstante as denúncias contra o ex-presidente no âmbito da operação Lava Jato. No Nordeste, contudo, Lula ainda ostenta popularidade.

TROCA DE FAVORES: "Rogério Marinho vai votar a favor de Temer em troca do apoio dos Alves em 2018"

Para livrar o presidente Temer, amigo do ex-ministro Henrique Alves, em votação no plenário, o deputado federal Rogério Marinho quer o apoio do PMDB a sua candidatura ao Senado em 2018.
Ele topa inclusive sofrer esse desgaste agora para salvar a pele de Temer, mas exige apoio político do ex-ministro Henrique Alves que hoje está preso por denuncia de corrupção, na disputa por uma das duas vagas para senador do RN no pleito do próximo ano.
Blog do Primo

RN: "Em Natal, boneco Bonitinho foi a sensação da paralisação dos servidores públicos estaduais"

Durante o protesto que ocorreu nessa sexta-feira (30) em Natal, que contou com a grande participação dos servidores públicos estaduais, teve direito ao boneco “Bonitinho” que faz alusão ao governo Robinson Faria. O bonitinho carregava a mensagem “Fora Robinson” e foi criado pelo Sindicato dos Servidores da Saúde Publica Estadual (SINDSAÚDE-RN).
‘Bonitinho’ era o codinome do governador Robinson Faria na planilha da Odebrecht, segundo executivos da empreiteira disseram em acordo de delação premiada, divulgado pela imprensa nacional em 11 de abril.
Segundo o Ministério Público, a Odebrecht desejava fazer PPP’s (Parcerias Público-Privadas) de saneamento básico no Estado e, por isso, repassou R$ 350 mil ao governador Robinson Faria e R$ 100 mil ao deputado federal Fábio Faria (PSD) na campanha de 2010 “para eventual favorecimento em projetos relacionados a saneamento básico”.

VERGONHOSO: "Ministro do STF autoriza Aécio Neves a retomar mandato de Senador da República"

O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Marco Aurélio Mello autorizou hoje (30) o senador Aécio Neves (PSDB-MG) a retomar as atividades parlamentares no Senado Federal. Aécio não comparece à Casa desde 18 maio, quando foi afastado pelo ministro Edson Fachin, após a Operação Patmos da Polícia Federal. No texto, Marco Aurélio manteve decisão anterior de negar o pedido de prisão preventiva do senador.
No documento, Marco Aurélio, entretanto, proíbe o senador de deixar o país e de fazer contato com outros investigados ou réus no processo.
“Provejo o agravo para afastar as medidas consubstanciadas na suspensão do exercício de funções parlamentares ou de qualquer outra função pública, na proibição de contatar outro investigado ou réu no processo e na de ausentar-se do país, devolvendo ao agravante a situação jurídica que lhe foi proporcionada pelos eleitores no sufrágio universal”, diz a decisão.
A Procuradoria Geral da República (PGR) havia pedido a prisão de Aécio, que foi negado por Fachin. Na decisão de hoje, o ministro Marco Aurélio manteve a decisão e descartou a prisão preventiva do parlamentar. “Julgo prejudicado o agravo formalizado pelo procurador-geral da República em que veiculado o pedido de implemento da prisão preventiva do agravante”, determina Marco Aurélio.

quinta-feira, 29 de junho de 2017

MANDATO POPULAR INFORMA: "Aulão beneficente neste sábado(01) em prol da Quadrilha Sensação Nordestina"


Acontecerá neste sábado (01), a partir das 14h, em Parelhas, um aulão beneficente preparatório (Enem), no Cursinho Nicolau Neto. 

A inscrição custa R$ 5 e pode ser feita no dia da aulão, no próprio cursinho. As áreas de conhecimento abordadas no aulão são as mesmas que constarão na prova do Enem deste ano. 

O Aulão contará com os professores Deydson (Química), Frank (Matemática) e Jocinha, que ministrará aula de Redação.

Todo valor arrecadado será doado para Quadrilha Sensação Nordestina da cidade de Parelhas, o dinheiro será usado para custear despesas da quadrilha nas apresentações.





REPROVADOS: "Temer, Cunha e Aécio lideram lista de políticos mais reprovados"

As delações dos executivos do grupo J&F, que controla a JBS, e o consequente agravamento da crise política colocaram o presidente Michel Temer (PMDB) e o senador afastado Aécio Neves no pódio das personalidades mais reprovadas pelos brasileiros.
Com isso, a impopularidade de ambos se iguala a de outra figura pouco quista frente a opinião pública: o ex-deputado Eduardo Cunha (PMDB).
Os dados aparecem na pesquisa “Pulso Brasil” realizada pelo instituto Ipsos entre os dias 1º e 13 de junho com 1,2 mil pessoas de 72 municípios do país. A margem de erro é de 3 pontos percentuais.
Segundo a sondagem, em junho, a taxa de desaprovação às ações do presidente Temer é de 93% frente aos 86% registrados na primeira quinzena de maio – antes, portanto, do início do escândalo da JBS, que implica diretamente o presidente e o senador tucano.
A taxa de desaprovação a Temer é superior, inclusive, à impopularidade de Dilma Rousseff nas vésperas de seu afastamento após abertura do processo de impeachment no Senado em maio de 2016. Naquela ocasião, 80% dos brasileiros desaprovavam sua atuação. Hoje o número é de 82%.

RN: "Deputado Fábio Faria poderá abandonar a política"

Alguma coisa está acontecendo, o  deputado federal Fábio Faria desapareceu do RN..
Faz muito tempo que ele não aparece aqui na terra do velho índio Poti.
Contra fatos não existem argumentos, nos festejos juninos Fábio Faria não veio comer pamonha nos municípios que compõe sua base eleitoral.
Comenta-se nas rodas políticas que sua esposa Patricia Abravanel Faria está convencendo ele deixar a política.. Seu sogro Silvio Santos já teria convidado ele para assumir uma diretoria de Relações  Institucionais do Grupo Silvio Santos. 
Mas também tem uma conversa que ele não está nada satisfeito com o governo do sei pai, será?
Blog do Primo

BRASÍLIA: "Senado vai discutir projeto que permite demissão de funcionário público"

O projeto de lei PLS 116/2017 que pretende permitir a demissão de servidor público avaliado com insuficiência no desempenho do cargo fará parte de um ciclo de audiências públicas da Comissão Senado do Futuro. O PLS será examinado pela Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania (CCJ), onde tem como relator o senador Lasier Martins (PSD-RS).
De autoria da senadora Maria do Carmo Alves (DEM-SE), integrante da Comissão Senado Futuro, o texto está aberto a consulta pública no portal e-Cidadania e pode receber o voto dos internautas. Atualmente, as opiniões sobre a proposição estão divididas: 12.238 pessoas votaram a favor e 12.663 votaram contra.

É SABEDOR: "Temer recebe notificação oficial da Câmara sobre denúncia da PGR"

O primeiro-secretário da Câmara, deputado Fernando Lucio Giacobo (PR-PR), compareceu na tarde de hoje (29) ao Palácio do Planalto para notificar o presidente Michel Temer sobre a denúncia oferecida contra ele pela Procuradoria-Geral da República (PGR).
O documento foi entregue às 16h05 ao subchefe de Assuntos Jurídicos da Casa Civil, Gustavo Rocha. Ao entrar no anexo do prédio, acompanhado por grande parte da imprensa, Giacobo disse que cumpre o papel que o cabe com “tristeza” pelo momento que o país está passando. “Espero que tudo se resolva o mais rapidamente possível”, afirmou.
Agora que o Planalto recebeu o documento, Temer estará oficialmente notificado da acusação de que teria cometido o crime de corrupção passiva. O presidente da Câmara, deputado Rodrigo Maia, está reunido com Temer em seu gabinete no Palácio do Planalto.

SANTANA DO SERIDÓ: "Prefeito Hudson assina termo se adesão ao Selo Unicef 2017/2020"

O prefeito de Santana do Seridó Hudson Pereira de Brito, a Secretária de Assistência Social Solange Regina e o Assessor Especial Márcio Alves, estiveram na última terça-feira(27), na capital do estado, para assinar o termo de adesão do município ao Selo Unicef  2017/2020.
O evento aconteceu no auditório da CAERN, no Centro Administrativo, em Natal/RN.

O projeto de articulação do Selo Unicef é uma ação da Secretaria Municipal de Assistência Social e conta com o total apoio do prefeito Hudson Pereira de Brito.

"A nossa equipe de governo tem consciência e sabe que o Selo Unicef é importante para todos e é uma conquista de todos, principalmente da cidade e das crianças, que são o futuro de Santana do Seridó, por isso toda gestão municipal estará comprometida com esse projeto" .Declarou o prefeito.



ECON INFORMA: "Mamografias e Raio X digital. Entrega em até 48h"


PISOU NOS CALOS: "Garibalde bate-boca com Renan em defesa de Henrique Alves"

O Senador Garibalde Alves e o Líder no Governo no Senado Renan Calheiros, bateram boca ontem no Senado. Garibalde cobrou de Renan, fidelidade a bancada na questão da votação da Reforma Trabalhista, Garibalde é a favor da reforma e Renan é contra. Em contra-ataque Renan Calheiros citou a prisão do Henrique Alves, o que irritou o Senador Potiguar.

Confira o Vídeo:




APARELHANDO: "Temer escolhe Raquel Dodge para substituir Janot no comando da PGR"

O presidente Michel Temer escolheu nesta quarta-feira (28) a procuradora Raquel Dodge para o comando da Procuradoria Geral da República, em substituição ao atual procurador-geral, Rodrigo Janot. O mandato de Janot à frente da PGR termina em setembro.
O nome de Raquel Dodge foi anunciado pelo porta-voz da Presidência da República, Alexandre Parola, em pronunciamento que durou poucos segundos.
Na fala, Parola destacou que Raquel Dodge é a primeira mulher a ser nomeada para o comando da PGR.

TÁ COMPLICADO: "PMDB do RN deixa de ser presidido por um preso e passa a ser presidido por um investigado"

O velho PMDB do RN está vivendo um momento muito complicado, o presidente do Diretório Estadual, Henrique Eduardo Alves que está preso, impedido de exercer á presidência do partido, foi substituído pelo vice-presidente, deputado federal Walter Alves que é investigado pela Polícia Federal suspeito de ter recebido propina quando foi citado da delação do ex-senador Sérgio Machado.
Walter Alves é um dos relacionados na famosa Lista de Fachin..
Blog do Primo

POLÍTICA: "Renan renuncia à liderança do PMDB e diz que não vai ceder ao governo Temer"

O senador Renan Calheiros (PMDB-AL) renunciou nesta quarta-feira (28) à liderança do PMDB no Senado. Em discurso no plenário, o político voltou a criticar o governo Temer, como vinha fazendo há semanas.
“Deixo a liderança do PMDB”, foi a primeira frase do senador. “Procurei exercer [a liderança] com dignidade, sempre orientado pelos objetivos do país”.
Renan disse também que renuncia por não compactuar com as ideias do governo e as reformas propostas pelo poder Executivo. “Não estou disposto a liderar o PMDB atuando contra os trabalhadores e estados mais pobres da Federação”, disse ele. “Não vou ceder a um governo que trata o partido como um departamento do poder Executivo”.
Mais cedo, o presidente do Senado, Eunício Oliveira (PMDB-CE), havia afirmado que Renan Calheiros (PMDB-AL) renunciaria porque se “perdeu o ambiente”.
“[Renan] esteve comigo ontem e na conversa que nós tivemos ele me disse que tinha perdido o ambiente de liderar a bancada e achava melhor ir cuidar do mandato”, contou Eunício antes de entrar no plenário nesta quarta. “Por esse motivo ele iria fazer um pronunciamento e na sequência faria uma reunião da bancada para a decisão final, que é da escolha da saída dele e da escolha de um novo líder”, declarou.
Na avaliação de Eunício, a saída de Renan não tem “nada a ver” com o aprofundamento da crise política no país que atinge principalmente o presidente da República Michel Temer desde a revelação da delação de executivos e ex-executivos da JBS, em 17 de maio.
“Pelo contrário, acho que o Renan está tendo a grandeza de pedir para sair exatamente para unificar e harmonizar a bancada”, argumentou.
Na terça-feira, Renan teve um bate-boca ríspido com o presidente do PMDB, senador Romero Jucá (RR), que o ameaçou de tirá-lo da liderança do partido no Senado caso Renan quisesse votar contra a reforma trabalhista. O alagoano retrucou e disse que se fosse para tirar direitos dos trabalhadores, preferiria deixar a liderança da legenda.
Ao longo das últimas semanas, Renan Calheiros tem feito diversas críticas ao governo Temer. No discurso de ontem, no plenário, acusou o presidente de se render aos desmandos do ex-deputado cassado Eduardo Cunha (PMDB-RJ), que está preso, e disse que Michel Temer deveria seguir uma sugestão do ex-presidente Fernando Henrique Cardoso (PSBD) e renunciar ao mandato.

terça-feira, 27 de junho de 2017

PARELHAS: "Vereador Tom confirma ao Blog que votará em Francisco do PT para Deputado"

"Só é o voto que tenho garantido, é o de Francisco". Com essas palavras o vereador Wellington Araújo Silva, respondeu a pergunta feita pelo Blog na manhã da última segunda-feira.
Depois de ter declarado na tribuna da Câmara, seu apoio ao ex-prefeito, o Blog quis saber se a posição do vereador havia mudado, depois do Programa Mesa Redonda do último sábado.
"Eu, vereador Tom, se Francisco for candidato, votarei e farei campanha para ele. Independente de qualquer coisa, Francisco, é o meu único voto certo para 2018". Destacou Tom.

E SE VOCÊ FOSSE MOTORISTA DE AMBULÂNCIA O QUE FARIA?

Os motoristas das ambulâncias em todo o Brasil terão sempre um dilema na cabeça: Evitar multas ou salvar a vida de um paciente?

O que tem sido discutido no município de Santana do Seridó, nos últimos dias é a seleuma que envolve uma ambulância, adquerida pelo prefeito Hudson Pereira de Brito para servir a população, aliás já está servindo.

A ambulância veio para cidade, mas com ela uma infinidade de multas, na grande maioria por excesso de velocidade e isso causou uma discussão entre algumas pessoas.

Voltemos a pergunta que originou a matéria: "Se você fosse um motorista de ambulância, e tivesse que decidi entre salvar uma vida ou evitar multas por excesso de velocidade? O que você faria?

Existe no Brasil, algum veículo destinado a socorrer vidas, que não tenha multa por está acima da velocidade máxima permitida?

Você recusaria o atendimento a um parente seu, ou a você mesmo, porque a  ambulância tem 12 mil reais de multa?
São perguntas, que poderão ter, ou não respostas, não importa.

O que importa, é o bem comum de uma população que precisa e necessita de socorro, ademais são picuinhas políticas que não devem ser levadas em consideração.



MANDATO POPULAR INFORMA: "Fique de olho na convocação da lista de espera do SISU"


A convocação dos candidatos que compõem a lista de espera da segunda edição de 2017 do Sistema de Seleção Unificada (Sisu) teve início nesta segunda-feira, 26. 

Nesse caso, a convocação dos estudantes para a matrícula cabe às próprias instituições de ensino. Assim, é importante que os candidatos acompanhem as convocações da lista de espera junto à instituição na qual tenha manifestado interesse. 

A lista de espera é aberta aos candidatos que não foram selecionados na chamada regular ou que foram aprovados somente para a segunda opção de curso, independentemente de terem efetuado ou não a matrícula para o curso no qual foram selecionados. A participação na lista é restrita à primeira opção de vaga.

MAIORES INFORMAÇÕES:

#ProUni2017 l Confira o resultado aqui: http://siteprouni.mec.gov.br 
Se você for pré-selecionado, atente-se aos próximos passos do processo seletivo! 
Saiba mais: https://goo.gl/uAckSz 
Ouça pelo SoundCloud: https://goo.gl/x7DFfL
Assista: https://youtu.be/scjStJO-11I

Vereador Frank Professor
     Sempre Presente

COLUNA DA DRA FRANCIMARA: "Tudo que você precisa saber sobre Concursos Públicos"


Em tempos de crise, cresce cada vez mais a classe dos "concurseiros".


O que muitos não sabem são as curiosidades e regras gerais mais importantes que norteiam esse mundo.

Abaixo, algumas informações úteis pra quem deseja iniciar sua caminhada rumo ao tão sonhado cargo ou emprego público:

1- TODO CONCURSO TEM PRAZO DE VALIDADE, MAS NEM TODOS SÃO IGUAIS:
Em geral, a lei elege o prazo de até dois anos de validade (contando-se da data da homologação do resultado), permitindo uma única prorrogação por igual período.
No entanto, vale lembrar que a palavra ATÉ permite que editais escolham prazo menor de validade, que PODERÁ sofrer uma prorrogação apenas, correspondente ao mesmo período escolhido inicialmente.

2- OS APROVADOS DENTRO DAS VAGAS DEVEM SER NOMEADOS DENTRO DO PERÍODO DE VALIDADE:
Se você alcançou êxito em algum certame e se classificou dentro do limite de vagas previsto no edital, fique feliz: O STF já pacificou o entendimento de que você deverá ser nomeado sim ou sim!
Vale lembrar, porém, que a Administração poderá fazê-lo até o finalzinho do período de validade do concurso.

3- A ESCOLARIDADE MÍNIMA PODE SER PROVADA ATÉ O ATO DE POSSE:
Pra quem almeja um cargo público que exige determinada escolaridade mínima, mas que ainda se encontra cursando o referido grau de estudo, é importante saber que não é proibido se inscrever para fazer as provas.
Acaso o candidato seja aprovado, é possível apresentar o diploma/certificado de conclusão de curso até o ato da a posse.

4- CONTRATOS TEMPORÁRIOS PARA FUNÇÃO IGUAL À QUE VOCÊ FOI APROVADO PODEM SER QUESTIONADOS JUDICIALMENTE:
É bastante comum no cenário público que sejam contratados profissionais para desempenhar temporariamente para exercer as funções para às quais há aprovados em concurso público.

Nesses casos fica demonstrada a necessidade da Administração em ter pessoas desempenhando funções específicas, que preferencialmente devem ser acometidas a servidores aprovados em concurso.

Na maioria das vezes ações judiciais nesse sentido são exitosas!



Por hora, ficamos por aqui...



Abraço a todos, e até a próxima!



Francimara A. dos Santos Molina

Advogada – OAB/RN 8.950

ROBINSON FARIA: "Meu governo deixará um legado na segurança"

O governador Robinson Faria (PSD) afirmou que está executando “tudo o que está ao seu alcance” na gestão da segurança pública no Rio Grande do Norte. Em entrevista ao Portal Agora RN/Agora Jornal, o chefe do Executivo estadual contou que as críticas formuladas ao seu governo nesta área não lhe incomodam. “Haverá críticas a vida inteira, porque segurança nunca vai ser 100%, mas eu estou fazendo tudo o que está ao meu alcance”, diz.
Ao elencar alguns dos investimentos efetuados pelo governo na área de segurança, Robinson destaca a promoção de agentes. “Fui o governador que mais promovi policiais militares. De 8.500, já promovi 6.500. Fiz em dois anos o que não fizeram em vinte”, assinala. “Além disso, estou investindo em tecnologia, equipando o Ciosp, e comprando automóveis para botar polícia na rua”, complementa.
Robinson frisa ainda que o atual governo trabalha na elaboração de um concurso para contratação de agentes da Polícia Civil. De acordo com o governador, serão 3 mil novos policiais admitidos. Somado a isso, o chefe do Executivo estadual menciona a expansão do “Ronda Cidadã”, projeto aproxima a polícia das comunidades e tem o foco voltado para o acolhimento, a inclusão social e a cidadania. “A Ronda será expandida. Levamos para Mossoró e lá está sendo um sucesso. Queremos levar também para Parnamirim, Caicó e Macaíba”, planeja.
Além das medidas apresentadas acima, o governador registra a construção de novas unidades prisionais, com o foco de reduzir a superlotação nos presídios do estado. Uma delas é a Penitenciária Estadual de Alcaçuz, em Nísia Floresta, onde 26 detentos morreram após uma violenta rebelião em janeiro. Parcialmente destruída no confronto entre os internos, a prisão teve um dos pavilhões reconstruído e reinaugurado. “Estou recuperando Alcaçuz e fazendo dois novos presídios [em Afonso Bezerra], com padrão moderno, de segurança máxima. Uma coisa está ligada à outra”, afirma o governador.
Apesar dos investimentos destacados por Robinson, o Rio Grande do Norte já registrou, apenas em 2017, mais de 1,1 mil mortes, segundo levantamento do Observatório da Violência Letal Intencional (Obvio), que contabiliza crimes violentos no estado. O governador credita a onda de violência à crise nacional no setor de segurança. “A crise é nacional. As facções enriqueceram com o tráfico [de drogas] e o armamento e perderam o medo do Estado. Elas desafiaram o Estado e estamos em uma guerra civil”, lamenta.
Porém, o governador diz estar “fazendo o dever de casa”. “O governo que mais teve políticas públicas para a segurança foi o meu. As críticas até me desafiam, mas eu tenho a consciência aberta. Depois dos quatro anos do meu mandato, virá o julgamento e o povo verá que o meu governo deixou um legado na segurança”, resume.
GOVERNO TEMER
O governador afirmou que a crise política e econômica brasileira afetam o Rio Grande do Norte por gerar “insegurança e pessimismo”. Entretanto, ele conta que a relação com o governo federal tem sido “muito boa”.
“Fechamos um convênio com o presidente Michel Temer na área da saúde que trará R$ 150 milhões. Será importante para o custeio de UTIs e realização de cirurgias eletivas. Também construiremos o hospital da Polícia Militar e uma central de diagnósticos. Vou fazer ainda o Hospital da Mulher em Mossoró, que vai ser uma redenção para atender toda a região Oeste. Isso vai mudar o perfil da saúde. Vou deixar mais esse legado”, assinala.
ELEIÇÕES 2018
Questionado sobre a possibilidade de se candidatar a reeleição em 2018, Robinson declarou que não está “preocupado” com isso. “Eu não durmo e acordo pensando nisso. Durmo e acordo é pensando em cumprir a minha missão, de ser o governador da justiça social. Estamos entregando 20 restaurantes populares e ações de microcrédito. Isso é o que me realiza. Minha preocupação é cumprir a minha palavra”, finalizou.



LASCOU: "Quem recebeu dinheiro de Henrique Alves terá que devolver"

De acordo com o Blog do Primo, o soldado Vasco conversou com um grande jurista potiguar sobre a situação dos políticos que receberam dinheiro do então candidato a governador Henrique Alves na eleição de 2014.
Segundo o jurista com muitos anos de banca, caso seja comprovada a origem ilícita do dinheiro recebido, o Ministério Público Federal poderá pedir que o valor seja devolvido ao erário público, e nestes casos a Justiça Federal atende de imediato até bloqueando cautelarmente os bens das pessoas suspeitas.
Comenta-se que muitas pessoas foram citados na delação do empresário e pmdbista Fred Queiroz..

POLÍTICA: "Tamborete no comando do PMDB/RN"

O nome do ex-governador Geraldo Melo está sendo lembrado para assumir à presidência do Diretório Estadual do PMDB do RN.
Com o atual presidente Henrique Alves preso e o vice-presidente, deputado federal Walter Alves não querendo assumir por ser investigado e citado na delação do ex-senador Sérgio Machado, Geraldo Melo que já foi presidenta é um nome com experiencia  e confiança de todos para retirar o partido da crise que enfrenta.
Em 1982 quando Aluízio Alves perdeu a eleição para governador, num momento de crise do PMDB, Geraldo Melo foi convocado e assumiu o partido levando para vitória em 1986.
Nesta nova crise, Geraldo Melo poderá ser novamente a solução para restruturar o PMDB.
Blog do Primo

ENQUANTO ISSO: "Temer acusará Janot de tentar condená-lo sem provas"

Na tentativa de barrar a denúncia contra ele, o presidente Michel Temer partirá para o enfrentamento direto com o procurador-geral da República, Rodrigo Janot, acusando-o de tentar condená-lo sem provas.
Em reunião na noite de segunda-feira (26), no Palácio do Planalto, o peemedebista traçou com ministros e parlamentares estratégia de reação tanto política como jurídica contra a denúncia que pode afastá-lo do cargo.
O principal ponto da denúncia que será contestado é a associação direta do peemedebista com a mala de R$ 500 mil recebida da JBS pelo ex-assessor presidencial Rodrigo Rocha Loures, um dos maiores aliados do presidente.
O argumento central é que o dinheiro ficou com o ex-auxiliar presidencial e que, portanto, não é possível provar que o presidente seria o beneficiário do montante.
Blog do Primo



GILMAR MENDES: "Denúncia contra Temer pode ser anulada"

O ministro Gilmar Mendes, do Supremo Tribunal Federal (STF), atacou duramente, em entrevista ao SBT, o Ministério Público Federal, disse que o órgão tem “pensamento totalitário” e busca a “criminalização da política” e levantou a hipótese de a denúncia contra o presidente Michel Temer (PMDB) ser anulada pelo fato de os procuradores terem obtido provas de forma ilegal.
Para ele, a colocação de uma fita sem perícia – a da gravação da conversa com o empresário Joesley Batista, dono da JBS, com Temer no Palácio do Jaburu – no inquérito contra o presidente foi um constrangimento para o ministro Edson Fachin, relator da investigação, e para o procurador-geral da República, Rodrigo Janot.