.

sexta-feira, 5 de agosto de 2016

PARELHAS: "Pré-candidato Alexandre Petronilo envia nota a imprensa sobre questão das diárias"

A grande maioria das diárias da Secretaria de Assistência de Parelhas no ano de 2016 foram pagas a profissionais concursados e de cargo eletivo (motorista e conselho tutelar). É um direito deles, bem como, uma necessidade para que desenvolvam as ações junto ao nosso público alvo.
Quanto às diárias pagas a mim enquanto era Secretário, são todas legais e fundamentadas em muito trabalho e ao desenvolvimento de atividades que levaram à nossa equipe e ao município de Parelhas há sermos premiados entre as 50 melhores gestões em Assistência Social do Brasil por dois anos consecutivos, segundo o Ministério do Desenvolvimento Social. Fato que nos rendeu, como prêmio, recursos para construção de mais um CRAS em nossa cidade.
Na nossa gestão capacitamos mais de 3.500 pessoas em cursos profissionalizantes. Foram erguidas 50 casas populares e já asseguramos, através de parceria, mais 200 unidades, onde estamos vencendo a etapa burocrática e dos projetos técnicos; o Programa Bolsa Família atingiu excelentes níveis de desempenho, que fizeram o município de Parelhas ser utilizado pelo MDS como exemplo de eficácia em congressos de gestores a nível Nordeste; construímos uma unidade do CREAS e o CRAS será construído em breve, já com recursos assegurados. Na geração de empregos, além da capacitação de pessoas em várias áreas, fomentamos o setor têxtil e, hoje Parelhas já desponta como um importante polo faccionista com 12 empresas em operação.
Por fim, gostaria de agradecer o espaço concedido e reafirmar a minha consciência tranquila quanto ao recebimento de diárias e, principalmente, o sentimento de dever cumprido enquanto Gestor de Trabalho, Habitação e Assistência Social de Parelhas. O êxito administrativo só vem com muito trabalho; e para isso, às vezes, é preciso levantar da cadeira, viajar, correr atrás e trazer as melhorias até o nosso município.
Um abraço!
Alexandre Petronilo Dantas
Pré-candidato a Prefeito de Parelhas/RN

ECON: "Especialista de hoje, sexta-feira(05) e de amanhã sábado(06). Confira!"


TUDO EM CASA: "Marido e esposa formam chapa para disputar prefeitura no Seridó"

Um fato político atípico em Tenente Laurentino, na região do Seridó. A chapa do Solidariedade que irá concorrer as eleições municipais deste  é bem caseira: marido e mulher são candidatos.
O comerciante Giliarde Costa terá como companheira de chapa sua própria esposa, Juciana Eudileide. A convenção cartorial será amanhã às 9 horas.
Tudo em casa.
Vão enfrentar a chapa: Márcia Nobre (DEM) e Cláudio Pinheiro (PMDB).
Robson Pires

COISAS DA POLÍTICA...

Depois da última eleição, o vereador e agora pré-candidato a prefeito de Caicó, Batata, chega a um restaurante da cidade e se dirige até a mesa da hoje pré-candidata a vereadora Francielle Lopes que já foi candidata a prefeita e deputada estadual para cumprimentá-la.
Ao estirar a mão para Francielle recebe como resposta: ‘Eu não falo com gente de sua qualidade’.
Na presença de testemunhas.
Batata ficou todo ‘desconcertado’. Hoje são aliados. A política é capaz de tudo. E Batata prometeu elegê-la vereadora em troca de seu apoio.
Fonte: Robson Pires

DO SECRETÁRIO DA JUSTIÇA DO RN: "Queimou cochão vai dormir no chão"

Walber Virgolino , secretário da Justiça e Cidadania, não brinca em serviço, depois que os presos da Penitenciária Estadual de Parnamirim (PEP) colocaram fogo em colchões na noite da última quarta-feira (3) e tentaram destruir os bloqueadores de sinal telefônico instalados na unidade.
Lampião não titubeou, disse bem claro: “Nós vamos puni-los severamente. Por exemplo, agora nós vamos suspender as visitas na unidade e não vamos recolocar colchões dentro do presídio, eles irão dormir no chão para aprender”.

COLUNA DO BARBOSA: "O problema da insegurança é muito mais complexo"

Em que pese o esforço do governo em debelar a crise na segurança pública que se instalou no estado com os ataques de vândalos incendiando ônibus e patrimônios públicos, além de colocar pânico na população, e até mesmo a iniciativa louvável do presidente do TJRN (Tribunal de Justiça do Estado), desembargador Cláudio Santos, em destinar R$ 20 milhões, recursos estes da própria corte de justiça, para a construção de um novo presídio no Rio Grande do Norte, o problema da insegurança é muito mais complexo e não diz respeito apenas e unicamente ao governo.
É verdade que o número de presídios hoje, em todo país, há de salientar isso, está aquém da expectativa. Mas é verdade também que a Justiça precisa urgentemente dar celeridade a processos que se amontoam nos tribunais. E por que digo isso? A imprensa há muito destaca a superlotação de presídios e delegacias, problema recorrente em todo território nacional, e o Rio Grande do Norte não é uma ilha isolada no assunto.
Com o acúmulo de processos, muitos dos réus primários não são julgados e estão atrás das grades. Isso provoca a que o sujeito que cometeu algum tipo de delito, mas tem um histórico sem passagem por delegacias, acabe se tornando, de fato, um marginal. Chega a ser desumano observar que numa cela que era pra ter três, cinco presos, estão aglomerados 20, 30 até 40 pessoas sem a mínima condição de higiene.
Outra: nos presídios existem “leis”. Quem não for do mau acaba morrendo ou virando marica para fazer a festa da rapaziada. Ou seja, ou você vira bandido de verdade ou vai satisfazer o desejo sexual de quem dita as normas na cadeia. Daí a necessidade urgente, urgentíssima, de se dar celeridade aos julgamentos dos processos.
Construção de novos presídios, colocação de bloqueadores de celular nas penitenciárias, policiamento ostensivo nas ruas, tudo isso tem que ter, contudo, a solução do problema, que não é de agora, passa, repito, também pela Justiça, sem o que as soluções serão paliativas.
O desembargador Cláudio Santos disse em entrevista esta semana a uma emissora de rádio de Natal que o governo do estado tem a chance de reverter a desestruturação do sistema penitenciário do Rio Grande do Norte. Para o magistrado, o Executivo tomou as medidas emergenciais que deveriam ser adotadas, mas não deve esquecer que a população “requer autoridade das autoridades”.
Pois é, da mesma forma que o presidente do Tribunal de Justiça cobra “autoridade das autoridades” do governo ou do governador, no caso, ele, o presidente do TJRN deveria também se colocar na mesma posição, ou seja, de autoridade da Justiça e cobrar dos colegas magistrados celeridade no julgamento dos processos. A sociedade está pagando um preço muito alto por toda essa crise de insegurança vivenciada hoje no Brasil e em particular em nosso estado.
O governo não pode ser responsabilizado sozinho pelo combate a criminalidade que impera no Rio Grande do Norte. A Justiça também tem sua parcela no combate ao crime. E isso, repito, passa pelos julgamentos de processos acumulados ao longo dos anos.
É preciso salientar que o governador Robinson Faria, tão logo se desencadeou a crise no setor penitenciário e surgiram os primeiros incidentes como incêndios a ônibus, tratou logo de tomar medidas para coibir as ações dos marginais convocando reuniões com a equipe de Segurança Pública no final de semana e solicitando ao governo federal o envio de tropas das Forças Armadas, o que já ocorreu.
Portanto, é bom que se diga que o problema da insegurança é muito mais complexo.
A conferir!

PT e DEM estarão juntos em Ipueira 

O DEM terá chapa puro-sangue em Ipueira. O atual vice-prefeito do município, Antônio Pessoa, disputará o comando do Poder Executivo, tendo como companheira na disputa a jovem Thamires Lucena.
A convenção para homologação da chapa aconteceu na segunda-feira (1º), justamente no aniversário da ex-prefeita da Ipueira, Concessa Macedo. A novidade fica por conta da chapa proporcional, onde DEM fará coligação com o Partido dos Trabalhadores (PT) na disputa pela Câmara Municipal.

Depudado Marcos Feliciano é acusado de tentativa de estupro e agressão

O deputado federal Marco Feliciano (PSC-SP) foi acusado de tentativa de estupro e agressão grave por uma jovem de 22 anos. A moça, que é militante do PSC, frequenta a mesma igreja que o pastor, que teria proposto ser seu guia espiritual. O fato aconteceu no dia 15 de julho.
De acordo com a imprensa, a jovem contou que Feliciano fez uma proposta para que a moça se tornasse sua amante, com alto salário e cargo comissionado no PSC. A moça negou e o pastor a agrediu com um soco e tentou puxá-la pelo braço para a suíte dele. A jovem disse que começou a gritar até que uma vizinha tocou a campainha para saber o que estava acontecendo. O deputado ainda tentou apagar as mensagens trocadas com a mulher pelo WhatsApp.
Segundo o colunista Leandro Mazzini, funcionários do PSC confirmaram que o número era mesmo o usado pelo pastor-deputado, que trocou de telefone após o episódio.

RN: "Governo anuncia datas de pagamento de julho de servidores"

O Governo do Rio Grande do Norte começa o pagamento do funcionalismo na próxima sexta-feira (5) e encerra a folha no dia 12. Os vencimentos de julho serão pagos por faixa salarial e sem distinção entre ativos e aposentados. Os servidores da Educação serão os primeiros a receber, já no primeiro dia (5), independente do valor do salário, por possuírem recursos específicos.
Na segunda-feira (8) quem recebe até R$ 2 mil terá os vencimentos creditados em conta. Na terça-feira (9) receberão os servidores com salários até R$ 3 mil. Para quem recebe a partir de R$ 4 mil, o pagamento será creditado na quinta-feira (11), quando 84% do quadro já terá recebido os salários. Já os servidores que ganham a partir de R$ 5 mil receberão os salários na sexta-feira (12), finalizando o pagamento da folha de ativos e inativos.