.

.
.

quinta-feira, 8 de setembro de 2016

COLUNA DO BARBOSA: "Fora Cunha, Fora Temer, fora todos os golpistas"

Espero e desejo que o deputado Eduardo Cunha tenha o seu mandato cassado. Cunha representa o pior da política já tão desgastada. O processo contra ele envolve apenas uma das acusações existentes contra a sua pessoaa possível quebra do decoro parlamentar por ter negado possuir contas no exterior, em depoimento à CPI da Petrobras no ano passado.
Ao recomendar a cassação no Conselho de Ética, o relator, Marcos Rogério (PSD-RO), destacou as provas enviadas pelo Ministério Público da Suíça. Elas mostram que Cunha abriu contas secretas naquele país, em nome de familiares e de empresas, mas sempre mantendo controle sobre elas. Segundo Marcos Rogério, trustes e offshores foram usados pelo deputado para ocultar patrimônio mantido fora do país e receber propina de contratos públicos.
Aliados de Eduardo Cunha apostam em duas estratégias para evitar a cassação do colega: esvaziar a sessão do dia 12 ou, caso isso não seja possível, trocar a pena de perda de mandato pela suspensão temporária, de 90 dias ou até seis meses. Seria um absurdo se isso viesse a ocorrer. A sociedade tem que tá atenta. Não podemos admitir que políticos como Eduardo Cunha tenham sobrevida, sob pena de continuarmos a ter uma Câmara de Deputados a mercê de corruptos.
Há alguns motivos para se temer o esvaziamento da sessão do dia 12. A data escolhida para o julgamento, uma segunda-feira, costuma ser dia de pouca presença de deputados em Brasília. Em geral, as sessões destinadas a votação são realizadas a partir de terça-feira. Adversários de Cunha temem que o envolvimento de deputados com as eleições municipais também sirva como álibi para uma eventual ausência, o que pode empurrar a votação para depois da eleição, cujo primeiro turno ocorrerá em 1º de outubro. Sem a pressão das urnas, opositores do peemedebista acreditam que diminua drasticamente a chance de cassação.
O Fora Cunha se faz mais do que necessário neste momento de descrédito que a classe política passa. Estejamos todos atentos para saber quem vai votar contra e a favor da cassação do mandato do deputado Eduardo Cunha, talvez o mais perigoso político do atual momento de turbulência que o país atravessa. Basta dizer que a Câmara teve o mais longo processo de cassação de mandato de sua história com as artimanhas que Eduardo Cunha promoveu usando o regimento interno da casa. Para que o Plenário aprove a recomendação do Conselho de Ética de cassar o mandato do deputado afastado, é necessário o apoio de ao menos 257 dos 513 parlamentares.
Não esqueçamos que Eduardo Cunha ainda é alvo de outros inquéritos no Supremo Tribunal Federal relacionados com a Lava jato. Cunha é o principal responsável pelo golpe-parlamentar que destituiu a presidenta Dilma do Poder e levou o seu aliado, Michel Temer, a assumir em definitivo a Presidência do Brasil.
Diante da situação golpista, da mesma forma o Fora Temer e por eleições Diretas Já começa também a tomar corpo país afora. Sou favorável a que se promova Eleições Diretas Já. Temer não me representa. Não foi eleito, foi a reboque da eleição de Dilma Ruosseff. Temer, na verdade, se apoderou do poder através de um golpe maquinado por Eduardo Cunha.
Portanto, Fora Cunha, Fora Temer.
A conferir!

Nenhum comentário: