.

sexta-feira, 15 de julho de 2016

COLUNA DO BARBOSA: "Rodrigo Maia, o mesmo do mesmo na presidência da Câmara"

Como disse em comentário anterior, a eleição à presidência da Câmara dos Deputados nada mais é do que a eleição do mesmo do mesmo. Propondo diálogo entre governo e oposição, deputado do DEM do Rio de Janeiro, Rodrigo Maia, ganha Rogério Rosso (PSD), candidato do presidente interino, Michel Temer (PMDB), no segundo turno e assume a presidência em mandato tampão até fevereiro, quando haverá uma nova eleição. Em seu primeiro discurso, prometeu “governar com simplicidade”.
Com um discurso para inglês ver, Maia ressaltou que quem pauta a Câmara é a sociedade e não o governo. Aos 46 anos, Rodrigo Maia é filho do ex-prefeito do Rio e atual vereador da cidade, Cezar Maia, e está no quinto mandato. Seu nome é considerado como o anti-Cunha, o que foi determinante para receber o apoio de partidos como o PDT e o PCdoB.
Ser anti-Cunha numa casa que está cheio de Cunhas chega a ser um sofisma, ou seja, uma mentira, propositalmente maquiada por argumentos verdadeiros, para que possa parecer real. E o circo assim continua com pão e água para a galera que acredita que algo vai mudar na Câmara dos Deputados.
Falei no início desse texto que Rosso era o candidato do presidente interino, Michel Temer. Peço desculpas ao leitor. Na verdade tanto Maia, quanto o deputado derrotado, Rogério Rosso tinham o apoio de Temer. Maia chegou a ser cotado para ser o líder do governo na Casa, mas, por influência do “centrão”, grupo suprapartidário liderado pelo ex-presidente da Câmara Eduardo Cunha (PMDB), Temer escolheu André Moura (PSC).
Portanto, volto a repetir que a eleição para presidente tampão da Câmara dos Deputados, nada mais foi do que a eleição do mesmo do mesmo. Alguém duvida ou prefere continuar se iludindo?
A conferir!

Nenhum comentário: