.

.
.

quarta-feira, 9 de novembro de 2016

DELAÇÃO: "Cerveró diz que Lula lhe deu cargo em agradecimento por perdão de dívida do PT"

O ex-diretor da Área Internacional da Petrobras Nestor Cerveró disse ontem  (8) em audiência na Justiça Federal que o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva o teria indicado para a Diretoria Financeira da BR Distribuidora em agradecimento por sua atuação pelo perdão de uma dívida de R$ 12 milhões do PT junto ao Banco Schahin.
Cerveró disse ter sido informado sobre o gesto de Lula por executivos do próprio banco. “Não foi um reconhecimento oficial, mas foi um motivo de reconhecimento que levou o presidente Lula a me indicar para a BR Distribuidora. Isso me foi dito pelo pessoal da Schahin.”
O depoimento, feito por videoconferência, fez parte de uma audiência em um processo que corre na Justiça Federal em Brasília, em que o senador cassado Delcídio do Amaral e o ex-presidente Lula são acusados de tentar comprar o silêncio de Cerveró, de modo a impedi-lo de celebrar um acordo de delação premiada com a força-tarefa da Operação Lava Jato.

Nenhum comentário: