.

terça-feira, 18 de setembro de 2018

ELEIÇÕES 2018: "Coligação de Bolsonaro entra com uma ação e ministro suspende veiculação de Lula no programa de Haddad"

O ministro substituto do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) Sérgio Banhos decidiu liminarmente nesta segunda-feira, 17, suspender a veiculação da propaganda eleitoral do PT que mostra a “carta de Lula aos brasileiros” e apresenta o ex-prefeito de São Paulo e presidenciável Fernando Haddad como substituto do ex-presidente na chapa petista à Presidência da República.
A decisão foi tomada em uma ação da coligação do presidenciável do PSL, Jair Bolsonaro, contra a do PT. O programa suspenso por Banhos foi ao ar no horário eleitoral na TV na última quinta-feira, 13. Na peça publicitária, quatro personagens se revezam na leitura de trechos da carta assinada pelo petista, em que ele anuncia sua substituição por Haddad.
Blog do Seridó


Nenhum comentário: