.

.
.

domingo, 4 de dezembro de 2016

SEM ESPERANÇA: "Governo do Rio Grande do Norte não conta com a água do São Francisco em 2017"

Uma das obras paradas por causa da Lava Jato pode atrasar a chegada das águas do Rio São Francisco ao Rio Grande do Norte.
Em julho passado, por falta de condições financeiras, a empreiteira Mendes Júnior abandonou os trabalhos no eixo norte da transposição e adiou mais uma vez a conclusão do projeto.
O secretário estadual de Recursos Hídricos, Mairton França, comentou que a Mendes Júnior, implicada na Lava Jato, “desistiu da obra”. 
“O governo do Rio Grande do Norte não conta com essa água em 2017. O Ministério da Integração Nacional decidiu fazer nova licitação, e prometeu concluir o eixo norte em três ou quatro meses”, disse o secretário.
Quando estiver pronta, a Transposição do São Francisco levará água até a bacia do Piranhas-Assu, no Rio Grande do Norte.
A previsão inicial era que a transposição ficasse pronta em 2014.
Lava Jato
sao_lava_370Na Lava Jato, a Mendes Júnior é acusada de integrar o cartel de empresas que fraudava licitações e pagava propinas. 
Sérgio Cunha Mendes, ex-vice-presidente da empresa, foi condenado a 19 anos e 4 meses de prisão por corrupção ativa, lavagem de dinheiro e associação criminosa.
Após a desistência da empreiteira de tocar a transposição, o Ministério da Integração Nacional decidiu realizar uma nova licitação. O processo tem previsão de ser concluído em janeiro.
Com a decisão de fazer uma nova licitação, a água do Rio São Francisco chegará ao RN em setembro, se o cronograma for seguido à risca.

“Gostaríamos de acreditar nesse prazo”, duvidou o secretário Mairton França.

Nenhum comentário: